Esporte

Foto: Divulgação

Pilotos e navegadores vivem a ansiedade típica dos dias que anunciam a proximidade do início do Rally dos Sertões. Faltando 11 dias para a largada, os participantes estão em um rali à parte para concluir a fase preparatória e colocar o pé na estrada, rumo a Goiânia (GO), sede da 24ª edição do evento. No dia 31 de agosto, os boxes serão abertos no Autódromo Internacional de Goiânia, para receber os 159 veículos que serão alinhados no grid de 2016, entre motos, quadriciclos, UTVs e carros (e marcando o retorno da modalidade, rali de regularidade). A chegada será em Palmas (TO), no dia 10 de setembro. 

A dupla Lucas Teixeira e Rafael Dias, da HND Racing procura manter a tranquilidade nesta fase final, mas garante que é bem complicado. "Tão embora eu tenha experiência no rali cross country, e seja campeão mineiro (2011), será minha estreia no Sertões. E Sertões, é sempre Sertões! Estudei bastante o roteiro deste ano, treinei com o carro para conhecer os limites dele e busquei adquirir muita orientação sobre as ‘armadilhas’ deste certame, a fim de concluir com êxito esta disputa. Mas, somente quando sinal verde for dado, é que poderemos efetivamente saber o que pode ou não ser feito", concluiu Lucas. Eles estarão a bordo de um protótipo Sherpa, e disputarão o pódio da categoria Pró Brasil. 

O 24º Rally dos Sertões terá 3.143 quilômetros, e terá como diferencial a quantidade em trecho cronometrado: 2.341 quilômetros (74% do roteiro total), percorrendo também Padre Bernardo (GO), Cavalcante (GO), Posse (GO), Luís Eduardo Magalhães (BA), Mateiros (TO) e Ponte Alta (TO).

Outros representantes da HND Racing, Antonio Carlos Teixeira e Emerson Etechebere acelerarão uma Mitsubishi L200 RS, pela categoria Super Production. O piloto é pentacampeão mineiro de rali cross country e segue para a sua quarta participação no Sertões. "Com a experiência que tenho, prefiro ser mais cauteloso e poupar o veículo. Claro, que sempre mantendo um ritmo forte de disputa, mas sem exigir demais da picape. O calor excessivo do sertão e os obstáculos que são bastante duros, judiam e desgastam os componentes mecânicos. E não existe milagre! Vence quem souber traçar a melhor estratégia diária, ter a rapidez de identificar onde é possível acelerar e tirar tempo, e onde é preciso pisar um pouco no freio. Retomadas de velocidade em curvas e manobras mais ousadas em trechos de alta, podem ajudar na conquista de um bom resultado", apontou Antonio Teixeira. 

Para repor as energias do corpo - que também sofre desgaste físico - os competidores levarão consigo um importante aliado: energéticos. "Precisamos nos hidratar também durante as especiais. O calor na cabine é grande, e para evitar mal estar e perda de rendimento, vamos levar o HND Diamond Energy Drink, que também está nos incentivando a ingressar nesta competição", encerrou Lucas. 

Programação - 24º Rally dos Sertões 

03 de setembro - Sábado

Prólogo do Rally dos Sertões (Cidade Alpha Goiás)

Cerimônia Oficial de Abertura (Hino e Fogos)

Largada Promocional (Autódromo Internacional de Goiânia)

04 de setembro - Etapa 1

Goiânia (GO) - Padre Bernardo (GO) 

Deslocamento inicial: 247,92 Km

Trechopecial: 112,08 Km

Deslocamento final: 300 metros

Total do dia: 360 km

05 de setembro - Etapa 2

Padre Bernardo (GO) - Cavalcante (GO) 

Deslocamento inicial: 35,09 km

Trecho especial: 373,83 km

Deslocamento final: 9,63 km

Total do dia: 418,5 quilômetros

06 de setembro - Etapa 3

Cavalcante (GO) - Posse (GO) 

Deslocamento inicial: 12,7 km

Trecho especial: 386,46 km

Deslocamento final: 243,94 km

Total do dia: 643 km

07 de setembro - Etapa 4

Posse (GO) - Luís Eduardo Magalhães (BA) 

Deslocamento inicial: 14,62 km

Trecho especial: 361,94 km

Deslocamento final: 189,7 km

Total do dia: 566 km

08 de setembro - Etapa 5

Luís Eduardo Magalhães (BA) - Mateiros (TO) 

Deslocamento inicial: 35,47 km

Trecho especial: 428 km

Deslocamento final: 0

Total do dia: 463 km

09 de setembro - Etapa 6

Mateiros (TO) - Ponte Alta (TO) 

Deslocamento inicial: 0

Trecho especial: 491 km

Deslocamento final: 7 km

do dia: 498 km

10 de setembro - Etapa 7

Ponte Alta (TO) - Palmas (TO)

Deslocamento inicial: 4,6 km

Trecho especial: 192 km

Deslocamento final: 2 km

Total do dia: 198 km

Por: Redação

Tags: Esporte, Rally dos Sertões