Polí­tica

Foto: Peralles Alves

Centenas de pessoas participaram na última sexta-feira, 26, do lançamento da campanha eleitoral do candidato a prefeito Jaime da Natalya Brindes (PMDB/PV), no município de Lajeado, a 50 quilômetros de Palmas. A solenidade contou com a participação dos treze candidatos a vereador da coligação, autoridades locais e da população em geral.

Durante a cerimônia, foram discutidas as propostas para o município, com a apresentação de um vídeo ilustrativo com as sugestões de melhorias na estrutura física dos equipamentos de lazer, cultura e esportes da cidade, como também ampliações nas unidades de saúde e a construção da primeira escola de tempo integral para o município. 

Para o candidato Jaime da Natalya Brindes, além das melhorias na estrutura física dos prédios públicos, caso seja eleito, sua administração será pautada no incentivo à geração e renda e surgimento de novos postos de trabalho. “Nossa cidade possui atrativos naturais belíssimos que não recebem turistas com frequência porque não existe incentivo e divulgação. Acredito que com capacitação, treinamento de guias e divulgação, traremos mais turistas para a nossa cidade e vamos desenvolver o ecoturismo em toda a nossa região”, afirmou.

Sustentabilidade

Também para garantir a sustentabilidade no município, Jaime falou com os moradores sobre a necessidade da preservação ambiental que deve ser discutida com toda a comunidade e municípios vizinhos. “Todo mundo sabe que os recursos naturais estão cada dia mais escassos, nossos pescadores já não encontram muitos peixes no rio Tocantins. Precisamos chamar o poder público e a comunidade para discutir estas questões. E para acabar com a ameaça das queimadas, vamos buscar mecanismos de manter uma brigada permanente de incêndios florestais. Nossa cidade já chegou a perder recursos do ICMS Ecológico porque não fez o dever de casa”, frisou.

Trabalho conjunto

Sobre a implementação da Política Nacional de Resíduos Sólidos, Jaime da Natalya Brindes ressaltou que vai promover e fortalecer o diálogo com as prefeituras de Miracema do Tocantins, Miranorte e Tocantínia. “Nossa ideia é convidar os gestores dos municípios vizinhos para que possamos agilizar a construção de um aterro sanitário consorciado para buscar uma solução ecologicamente viável para os resíduos domésticos e hospitalares”, ressaltou.