Cultura

Foto: Divulgação Imagem do filme O Fim e o Princípio Imagem do filme O Fim e o Princípio

A mostra Brasil Experimental continua no CineSesc Palmas e Gurupi. Contemplando três filmes nacionais que saem do roteiro convencional e da forma tradicional de se fazer cinema. Os filmes exibidos são: “Sudoeste” (2012), “O Fim e o Princípio” (2005), e “Girimunho” (2011). As sessões acontecem entre os dias 1º e 25 de setembro no CineSesc Palmas e no CineSesc Gurupi, sempre nos horários das 16h e 19h. A entrada é gratuita.

Baseada na exibição de filmes experimentais ou no cinema experimental, a Mostra Brasil Experimental exibe filmes que têm em comum o fato de se diferenciar – e muitas vezes, de se opor – às práticas e ao estilo do cinema dito comercial ou industrial.

Confira a programação da segunda semana de exibição, dias 10 e 11 de setembro:

Sudoeste (2012) – Classificação: 14 anos

Em uma cidade pacata e anônima, durante um dia apenas, Clarice (Simone Spoladore) vê sua vida se desenrolar de maneira circular, da morte ao nascimento, e depois à velhice mais uma vez. Ela observa as pessoas ao seu redor, que não envelhecem, e que não entendem sua existência. Esta mulher deve compreender a importância de temas fundamentais como a vida, a morte, a maternidade e a violência.

10/09 – 16h – Palmas e Gurupi

O Fim e o Princípio (2005) – Classificação: livre

Sem pesquisa prévia, sem personagens, locações, nem temas definidos, uma equipe de cinema chega ao sertão da Paraíba em busca de pessoas que tenham histórias para contar. No município de São João do Rio do Peixe a equipe descobre o Sítio Araçás, uma comunidade rural onde vivem 86 famílias, a maioria ligada por laços de parentesco. Graças à mediação de uma jovem de Araçás, os moradores – na maioria idosos – contam sua vida, marcada pelo catolicismo popular, pela hierarquia, pelo senso de família e de honra.

10/09 – 19h – Palmas e Gurupi

"Girimunho" (2011) – Classificação: 10 anos

Esta é a história de duas mulheres que observam os redemoinhos no rio, em pleno sertão mineiro. Uma delas perdeu o marido, e sofre em silêncio, tendo apenas as novidades dos netos como consolação. A outra carrega consigo um tambor, e marca o ambiente com seus sons.

11/09 – 16h – Palmas e Gurupi

Por: Redação

Tags: Agenda Cultural, CineSesc, Sesc