Polí­tica

Foto: Divulgação

Durante a Audiência Pública realizada nessa quarta-feira, 14, na Assembleia Legislativa, para tratar do pagamento da data-base dos Servidores Públicos do Estado, o deputado Wanderlei Barbosa (SD), cobrou do Governo mais diálogo no intuito de colaborar no processo de negociações com os servidores.

Wanderlei falou que a Assembleia ultimamente tem servido de abrigo para os grevistas durante esses 60 dias de paralisação. O parlamentar pontuou a importância e a necessidade do diálogo entre governo e entidades, e disse que o direito dos servidores tem que ser respeitado, que todas as reclamações vindas do movimento grevista o preocupa muito. “Queremos que o governador discuta com os grevistas, não se administra conflito sem conversar e buscar soluções”, disse.

Para Wanderlei, a realização da audiência foi muito importante, pois  abriu um caminho para negociações, mesmo que tardio.

O deputado falou também do caos na saúde, dizendo que o movimento de greve é preocupante na rede hospitalar, pois são as pessoas que estão nos hospitais pagando com a vida. Na oportunidade, pediu aos secretários que cobrem do governador uma solução imediata para a greve. “Fico feliz por uma coisa, que os secretários estejam na casa, embora de maneira tardia, e sempre recorro à saúde, pois na educação pode se repor, mas na saúde, a vida não se pode repor”, frisou o parlamentar.

Participaram da audiência os presidentes dos sindicatos dos servidores públicos, os secretários da Fazenda, Paulo Antenor de Oliveira; Planejamento, David Torres; Governo, Lívio de carvalho; e Administração, Gefferson Barros, os secretários da Saúde, Marcos Musafir; Educação, Wanessa Sechim; subsecretário de Segurança Pública, Absair Paniago; e procurador Geral do Estado, Sérgio do Vale.