Meio Ambiente

Foto: Aldemar Ribeiro Dia de Chuva em Palmas Dia de Chuva em Palmas

Mesmo com as esparsas precipitações hídricas que estão sendo registradas em diversas regiões do Estado, prevendo o fim do longo período de estiagem, a Defesa Civil Estadual orienta a todos para os perigos causados pelas descargas atmosféricas provenientes de raios. Os acidentes podem ser fatais e para isso existem várias medidas de segurança que devem ser praticadas.

Para o superintendente estadual de Defesa Civil, o tenente coronel Peterson Ornelas, não só os moradores da zona rural como também da zona urbana precisam estar atentos em casos de chuvas fortes com registros de raios e trovões. “São medidas simples, mas que devem ser realizadas caso comece a chover. A mais importante delas é procurar local seguro, não permanecer embaixo do árvores, não manusear equipamentos eletrônicos ligados na tomada, permanecer afastado de redes elétricas e não utilizar água de torneiras e chuveiros pois a água pode ser condutora da eletricidade decorrente da descarga atmosférica”, afirmou.

Dados

Segundo os dados coletados pelo Centro de Monitoramento da Defesa Civil, foram registradas fortes chuvas neste domingo em Palmas e em diversos municípios tocantinenses. Na Capital, o volume pluviométrico ficou em 17,8 milímetros, seguido de Gurupi (13,8 mm) e Pedro Afonso (10,8 mm). Os maiores índices foram registrados em Porto Nacional (30,2mm) e Araguaína (56,4mm).

Precauções

Procure abrigo em prédios que tenham para-raios.

Evite áreas abertas, como campos de futebol. Não se aproxime de cercas de arame, varais metálicos ou trilhos, assim como de torres de transmissão.

Não fique embaixo de árvores.

 Não use motos nem bicicletas.

Permaneça dentro do carro ou do ônibus.

Afaste-se de tomadas, canos, janelas e porta metálicas. Não use equipamentos elétricos e nem atenda telefone, exceto sem fio.