Polí­tica

Foto: Divulgação

O pleno do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/TO) negou, por unanimidade, recurso da coligação "Palmas Bem Cuidada" do prefeito de Palmas, candidato à reeleição, Carlos Amastha (PSB), que recorreu contra decisão do juiz eleitoral Luiz Astolfo de Deus Amorim, que deferiu o registro de candidatura do candidato a prefeito pela coligação "Coragem Para Fazer Diferente", Raul Filho (PR). 

O registro de candidatura de Raul Filho foi mantido em decisão durante sessão ordinária realizada na tarde desta quarta-feira, 28. O recurso começou a ser julgado ontem, 27, porém, a desembargadora Jacqueline Adorno pediu vistas e o julgamento foi remarcado para hoje.

O relator Henrique Pereira dos Santos havia emitido parecer favorável ao deferimento da candidatura de Raul. Na sessão de hoje a desembargadora Jaqueline Adorno e os demais pares decidiram acompanhar o relator. 

O assessor Jurídico da Coligação Coragem para Fazer Diferente, advogado Pedro Henrique Holanda, fez a sustentação oral junto ao Pleno, obtendo êxito. "Acompanhei, fiz a sustentação oral, e está tudo certo. Raul Filho está com o seu registro de candidatura dentro da legalidade", declarou.

Raul Filho

Já o candidato a prefeito de Palmas Raul Filho (PR) disse que a decisão vem ratificar sua confiança na justiça. “Sempre falei que a resposta aos que duvidavam que eu estou apto a concorrer nestas eleições já havia sido dada, quando foi permitido o meu registro. Faltava só esta confirmação e ela veio hoje”, comemorou, acrescentando que: “Esta vitória é de Palmas, não só minha. Sou muito grato a justiça dos homens e de Deus. Agora, a confirmação de nosso trabalho será nas urnas, no dia 2 de outubro, quando sob as bênçãos de Deus e com os votos dos palmenses seremos eleitos prefeito de nosso município”, finalizou.