Campo

Estão abertas até 4 de novembro pré-inscrições para capacitação continuada sobre Integração Lavoura-Pecuária-Floresta (ILPF) no Tocantins. O primeiro módulo está marcado para os dias 8, 9 e 10 de novembro e acontecerá na capital Palmas, dividido em duas partes: uma mais teórica (quando há limite de 60 vagas); e outra mais prática (sem limite de vagas).

O público da capacitação é formado por agentes de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) e consultores rurais. Como requisitos, são necessários formação em nível médio (técnico) ou em nível superior em Ciências Agrárias e atuação em assistência técnica e extensão rural.

Este primeiro módulo apresentará a metodologia do projeto de transferência de tecnologias em ILPF, focando em formação de multiplicadores, em uma metodologia chamada Treino e Visita, em uma rede de referências e em implantação e condução de Unidades de Referência Tecnológica (URTs), que são espaços onde serão colocados em prática conceitos aprendidos ao longo da própria capacitação. Está programado ainda um teste inicial de nivelamento.

Já a parte técnica engloba temas ligados a classificação de solos (como capacidade de uso das terras e conservação de solos) e princípios para recomendação, correção e adubação em sistemas de ILPF (como recomendações de adubação de pastagens, de culturas anuais e de culturas perenes).

Para finalizar o primeiro módulo da capacitação, haverá dia de campo sobre aspectos teóricos e práticos de integração lavoura-pecuária-floresta. Apenas essa atividade será fora da Embrapa: está marcada para a Unidade de Aprendizagem Tecnológica (UAT) da Embrapa no Centro Agrotecnológico de Palmas (Agrotins). O dia de campo é uma parceria da Embrapa com a Secretaria do Desenvolvimento da Agricultura e Pecuária (Seagro) e o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) no Tocantins.

Para mais informações sobre a capacitação e sobre as pré-inscrições, o contato é Cláudio Barbosa, da área de Transferência de Tecnologia da Embrapa Pesca e Aquicultura.

São parceiros na capacitação o Instituto de Desenvolvimento Rural do Estado do Tocantins (Ruraltins), o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae) e a Seagro. A capacitação é uma ação da Rede de Fomento em ILPF, formada pelas empresas Cocamar Cooperativa Agroindustrial, Dow AgroSciences, John Deere, Parker e Syngenta.

Por: Redação

Tags: Embrapa, Extensão Rural