Economia

Foto: Divulgação

Não enfrentar tumultos ou filas, pesquisar e comparar rapidamente os preços, ter grande variedade de produtos e comprar na hora que quiser. Essas são algumas das vantagens de fazer compras pela Internet, especialmente durante a Black Friday, ação anual de vendas com grande apelo comercial. Se nas lojas físicas as promoções parecem tentadoras, no mundo virtual elas se tornam irresistíveis. Entretanto, o gerente de fiscalização do Procon-TO, Magno Silva, alerta que nas compras online o consumidor precisa ficar ainda mais alerta para evitar prejuízos.

Uma das primeiras dicas do gerente de fiscalização é quanto ao estabelecimento. “Escolha lojas com tradição de vendas online ou fornecedores com quem você consiga se comunicar, por telefone ou e-mail, e que tire todas as suas dúvidas antes da compra”, reforça. Outra dica importante é pesquisar sobre o fornecedor, buscando a opinião de clientes anteriores. “Verificar as medidas de segurança de dados ofertadas pela loja virtual aos seus clientes também é fundamental”, complementa o gerente de fiscalização.

Silva lembra que o consumidor que adquiri produtos pela Internet tem prazo de sete dias, chamado de Direito de Arrependimento (Artigo 49 do Código de Defesa do Consumidor) para cancelar a compra e receber o dinheiro pago de volta. “O consumidor não precisa nem mesmo justificar seu arrependimento, basta solicitar o cancelamento da compra”, explica, reforçando que o produto tem que ser devolvido em perfeito estado e com a embalagem ainda lacrada. “Além disso, os valores pagos com o frete são de responsabilidade do consumidor”, esclarece.

Mesmo tomando todas as precauções, o cliente ainda pode se sentir lesado ou prejudicado numa transação comercial online.  Caso isso ocorra, ele deve procurar o Procon-TO para receber orientações de como proceder. “Para isso, é importante que tenha todo o histórico da negociação documentado”, orienta Sila.

Confirma abaixo outras orientações repassadas pela Gerência de Fiscalização do Procon-TO para evitar transtornos durante compras pela Internet:

1 - Exija nota fiscal, pois ela é seu comprovante de compra;

2 - Desconfie de preços excessivamente baixos;

3 - Prazo de entrega muito longo pode significar que o vendedor não dispõe do produto para pronta-entrega;

4 - Pesquise sobre todas as características do produto antes de fechar a compra para evitar mal entendidos;

5 - Não permita que o site armazene seus dados para compras futuras;

6 - Se for pagar à vista, opte por boleto, uma vez que os descontos são maiores e se exige menos dados;

7 - Use computador próprio ou de alguém de sua confiança; evite redes abertas de wi-fi e computadores públicos para comprar pela Internet;

8 - Evite sites internacionais, a não ser que domine o idioma do fornecedor para ter todas as dúvidas esclarecidas antes da compra; 

9 - Controle o impulso e evite comprar aquilo que não está precisando.

Por: Redação

Tags: Black Friday, Magno Silva, Procon