Polí­tica

Foto: Divulgação

O deputado federal, Carlos Henrique Gaguim (PTN-TO), falou na Tribuna da Câmara dos Deputados, nesta quinta-feira, 1° de dezembro, a respeito das mais de 100 ambulâncias cedidas para as Olimpíadas e que estão sem uso. “Esses veículos que custaram R$ 73 milhões estão fazendo falta em várias cidades, inclusive no Tocantins", afirmou. 

Gaguim informou que foi relator do PLN 18 de 2015, do Congresso Nacional, na Comissão Mista de Orçamento, que abriam credito extraordinário e disponibilizava recursos não só para o Rio de Janeiro, mas também para os estados do Maranhão, Tocantins e Espirito Santo. "Chegamos a um entendimento, aquela época, de que cederíamos esses recursos, excepcionalmente, para a realização das Olimpíadas e, depois do jogos olímpicos, nossos estados receberiam esses aparelhos. Agora, chega a notícia que o Ministério da Saúde informou que vai decidir o destino dessas ambulâncias", disse.

O parlamentar enviou ofício nº 238/2016 solicitando ao Ministério da Saúde 20 ambulâncias para o Estado do Tocantins. Disse, ainda, que continuará cobrando, o cumprimento desse acordo, pois o compromisso foi dado em pleno plenário da Câmara dos Deputados e explicou que os municípios tocantinenses precisam muito dessas ambulância. “Quero reafirmar que tínhamos feito um acordo com a bancada do Rio de Janeiro para que esses aparelhos, como carros e equipamentos da mais alta tecnologia, assim que terminarem as Olimpíadas, pudessem ir para os Estados do Tocantins, Maranhão e Espirito". 

Gaguim ratificou que o prefeito Eduardo Paes teria dito, também, que os equipamentos seriam doados para os Estados do Maranhão, do Tocantins e para o Espírito Santo após as olimpíadas. 

Por: Redação

Tags: Atividade Parlamentar, Carlos Gaguim, PTN