Estado

Foto: Divulgação

O presidente do Sindicato dos Servidores Públicos do Estado do Tocantins (Sisepe/TO) Cleiton Pinheiro e o secretário Geral do sindicato, Clayrton Cleiber Xavier, participaram nesta quinta-feira (8) da reunião da comissão de reestruturação do Plansaúde. A reunião foi convocada pelo secretário de Estado da Administração (Secad) Geferson Barros, para discutir propostas de alteração da Portaria nº 855 de 25 de outubro de 2016, que normatiza a relação entre o gestor do plano, operadora e prestadores de serviço.

Ao analisar a portaria, Cleiton Pinheiro destacou dois pontos que precisariam ser revistos. Entre eles, os prazos para realização de consultas e procedimentos médicos. “Algumas especialidades não têm sequer profissionais cadastrados aqui pra atender pelo Plansaúde. Então estes prazos devem ser revistos. O Sisepe vai elaborar uma proposta e apresentar", disse. 

O presidente também defendeu mudanças no que seria o principal problema do Plansaúde atualmente, a aquisição de OPME’s. “Nós temos que ser objetivos e não ficar no debate com os prestadores de serviço, porque eles podem travar a discussão.” Disse Cleiton Pinheiro ao garantir que o Sisepe fará um estudo comparando tabelas de preços de OPME’s de outros planos de saúde para apresentar à Secad.

Comissão 

A Comissão de Reestruturação do Plansaúde foi criada no mês de novembro para analisar e sanar as demandas do plano e garantir o atendimento aos servidores.

A próxima reunião está marcada para o dia 10 de janeiro na qual deverão ser apresentadas as propostas de alteração da portaria 855 elaboradas pelos membros da comissão.