Polí­cia

Foto: Divulgação

A Polícia Militar prendeu na madrugada desta quarta-feira, 14, uma quadrilha composta por seis indivíduos que planejavam assaltar a agência do Banco Bradesco na cidade de Paranã e frustrou a ação do grupo. Quatro homens, uma mulher e uma menor de idade integravam a quadrilha. Em poder do grupo os policiais apreenderam três armas de fogo, sendo dois revólveres calibre 38 e um revólver calibre 32, 16 munições intactas de calibre 38, além de R$ 1.500,00 em espécie e dois veículos utilizados na ação.

Na tarde de terça-feira, 13, um policial militar na cidade de Paranã recebeu uma ligação da gerente do Bradesco da cidade de São Salvador informando que dois indivíduos haviam sequestrado um funcionário do banco. Ele estaria sendo levado até a cidade de Paranã para que a agência fosse roubada depois da saída do carro forte do local. 

De posse dessas informações o policial acionou as guarnições da PM na cidade para averiguar a denúncia. Na agência em Paranã os policiais resgataram o funcionário do banco de São Salvador e outro funcionário da agência de Paranã. De acordo com o funcionário de Paranã os dois homens estariam em seu veículo, um automóvel Hyundai HB20 de cor branca nas proximidades da agência, aguardando a saída do carro forte e a abertura do cofre para efetivarem o assalto. Os funcionários foram levados em segurança para o quartel da PM na cidade.

Uma equipe da PM monitorou as proximidades da agência e identificou dois indivíduos suspeitos se aproximando do veículo informado pelo funcionário do banco. A dupla foi abordada e com um dos homens os policiais apreenderam um revólver calibre 38 com seis munições intactas. Já no interior do automóvel utilizado pela dupla os policiais apreenderam outro revólver calibre 38 com seis munições intactas.

A dupla de criminosos disse aos policiais que havia sequestrado o funcionário do banco em São Salvador para roubarem aquela agência. O funcionário disse então que para abrir o cofre seria necessária a senha do outro funcionário que estaria na agência em Paranã, motivo pelo qual os criminosos foram até a cidade. No trevo da cidade de Paranã, sentido São Salvador, os policiais prenderam um casal que daria suporte a fuga dos assaltantes. Eles estavam em um veículo Fiat Pálio Weekend de cor prata. No interior do automóvel os policiais localizaram a quantia de R$ 1.500,00 em espécie. A mulher disse aos policiais que era garota de programa e o dinheiro lhe pertencia. O casal daria apoio aos assaltantes a pedido de outro indivíduo também pertencente ao grupo.

Em uma barreira realizada na Rodovia TO 387, nas proximidades de São Salvador os policiais localizaram o outro casal pertencente à quadrilha, em um automóvel Chevrolet Vectra. No interior do veículo estava um homem e uma menor, 16 anos. Escondido no teto do veículo os policiais encontraram um revólver calibre 32. A quadrilha e todo material apreendido foram encaminhados à Delegacia de Polícia na cidade de Arraias para os procedimentos legais cabíveis. A menor infratora foi acompanhada por duas conselheiras tutelares. De acordo com os envolvidos, toda ação teria sido planejada pelo indivíduo que estava junto com a menor.

Por: Redação

Tags: Paranã, Polícia, Polícia Militar