Estado

Foto: Divulgação

A Comarca de Novo Acordo está realizando um mutirão de audiências de Instrução e Julgamento de processos previdenciários. Ao todo, 54 julgamentos devem ser realizados até o fim da tarde desta quinta-feira (09/03).

Em dois dias de mutirão, a expectativa é que cerca de cem testemunhas sejam ouvidas, com a novidade de que as sentenças são proferidas na própria audiência. "O que gerou muita comoção entre os presentes; é muito gratificante ver a felicidade estampada no rosto destas pessoas sofridas, quando alcançam uma aposentadoria ou uma pensão, no caso de procedência da ação", ressaltou a juíza titular da Comarca, Aline Iglesias.

Ainda de acordo com a magistrada, o objetivo do mutirão é resolver as demandas previdenciárias da Comarca, assim como fomentar a produtividade no Judiciário. "Tentamos oferecer um serviço facilitado aos próprios advogados e principalmente aos jurisdicionados e suas testemunhas, vez que são lavradores e o mutirão facilita o seu transporte e a comunicação com seus advogados", frisou.

A Comarca de Novo Acordo atende aos jurisdicionados do município e das cidades de Aparecida do Rio Negro, Lagoa do Tocantins, Santa Tereza do Tocantins e São Félix do Tocantins.