Polí­tica

Foto: Divulgação

O deputado federal, Carlos Henrique Gaguim (PTN-TO), falou nesta última quinta-feira, 30, do seu trabalho para conseguir a manutenção dos recursos das emendas destinadas para os municípios do Tocantins e aproveitou para criticar o prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PSB), a quem chamou de “o nuevoprefeito gogó”, que recentemente deixou a Prefeitura de Palmas perder recursos do Governo Federal.  

Gaguim explicou que a situação econômica e financeira tende a se agravar, ainda mais, com o anúncio do presidente Michel Temer, de corte geral no Orçamento da União que será feito pela equipe econômica do Governo Federal.

O deputado afirma que busca recursos para realizar a execução de obras essenciais para a população. “Estamos fazendo um trabalho árduo ajudando as prefeituras na viabilização dos projetos técnicos, arquitetônicos e estruturais; da regularização das áreas; e das licitações, tudo isso por meio dos ministérios, para se viabilizar a execução dessas obras essenciais para a nossa população”, explicou Gaguim.

Segundo o deputado, já foram empreendidos muitos esforços para se chegar a assinatura de convênios, que são obras e serviços de grande importância para os municípios, e a paralização ou suspensão das mesmas trarão enormes prejuízos para a população, pois, na maioria dos casos, as prefeituras não possuem recursos próprios para concluir ou finalizar estes serviços”, explicou o parlamentar.                 

Palmas

Nas emendas impositivas de autoria do deputado já foi destinado R$ 2.399.933,70 para a cidade de Palmas/TO e todas foram aprovadas, na emenda nº 81000871, do Fundo Nacional de Saúde (FNS), para as Unidades Básicas de Saúde (UBS), dos setores Morada do Sol, Novo Horizonte, Setor Sul – Taquaruçu, da UBS 508 Norte, da UBS de Santa Barbara, 405 e 603 Norte e 806 Sul, Construção da UBS de Taquaruçu - Parte II, UBS Aureny II, da UBS: Liberdade, da UBS: 406 Norte.        

Crítica ao Prefeito da Capital

Segundo o deputado, apesar do trabalho e esforço dele e de outros parlamentares tocantinenses, o prefeito de Palmas, Carlos Amastha (PSB, a despeito de sua “autoavaliação de excelência administrativa”, por incapacidade, “deixou de executar uma emenda de R$ 900 mil reais, de autoria da senadora Kátia Abreu (PMDB), destinada à instalação da Casa de Parto Normal de Palmas”, criticou Gaguim

O deputado, que já governou o Estado do Tocantins, disse que é “inadmissível a perda de recursos por falta de gestão! Todos nós sabemos que o Amastha não tem força política para conseguir verbas, aqui, em Brasília, e quando a Bancada do Tocantins consegue algum recurso, o cidadão palmense fica a ver navios porque o Amastaxa, ‘o nuevoprefeito gogó’ não tem conseguido aproveitar estes recursos”, disse Gaguim.

O deputado salientou, entretanto, que acredita na capacidade técnica dos profissionais da Prefeitura de Palmas, “o problema é a falta de humildade do prefeito, que nem sequer procura a bancada tocantinense, que sempre esteve à disposição, disponibilizando recursos para Palmas”, frisou o deputado.

Emendas Parlamentares

Confira abaixo, na íntegra, as emendas disponibilizadas para a cidade de Palmas e a sua execução nos links abaixo do Portal siga Brasil do Senado, colocando o nome do município.

1.      Emendas LOA 2016http://www8d.senado.gov.br/dwweb/abreDoc.html?docId=1980984

2.      Emenda LOA 2015: http://www8d.senado.gov.br/dwweb/abreDoc.html?docId=1966386

3.      Emenda LOA 2014: http://www8d.senado.gov.br/dwweb/abreDoc.html?docId=92826

4.      Emenda LOA 2013: http://www8d.senado.gov.br/dwweb/abreDoc.html?docId=92237