Polí­tica

Foto: Divulgação

O senador Vicentinho Alves (PR), Coordenador da Bancada Federal do Tocantins, recebeu nesta terça, 23, a visita da desembargadora Ângela Prudente, presidente do Tribunal Regional Eleitoral do Tocantins, que solicitou apoio junto ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) para reavaliar os efeitos da Resolução nº 23.512, de 16 de março de 2017, que implicará impacto em até 19 das 35 zonas eleitorais do Estado, inclusive com a extinção de até 10 zonas eleitorais.

Segundo a desembargadora, a distribuição das 35 zonas eleitorais está bem dimensionada, as zonas possuem sedes próprias e a economia com o rezoneamento proposto será insignificante comparada aos transtornos na prestação dos serviços da Justiça Eleitoral para a população, dadas as peculiaridades do Estado do Tocantins, que possui grande extensão territorial e baixa densidade demográfica.

O senador Vicentinho Alves se comprometeu a agendar reunião da bancada federal para tratar do assunto coletivamente e fazer as gestões necessárias junto ao Tribunal Superior Eleitoral.

O deputado federal Carlos Gaguim (PTN-TO) também participou da reunião.