Estado

Foto: Divulgação

Para apresentar as informações formatadas pela empresa contratada para fazer o relatório que norteia o equilíbrio financeiro do Plansaúde, a comissão de reestruturação do plano gerido pelo Estado reuniu-se na tarde desta terça-feira, 23.

O encontro contou com a participação do Sindicato dos Servidores Públicos no Estado do Tocantins (SISEPE-TO), do secretário da Administração, Geferson Barros, fornecedores e prestadores de serviço do plano.

A empresa Exacttus, contratada para fazer o relatório, tem a responsabilidade técnica pelos cálculos desenvolvidos que foram apresentados durante a reunião.

A análise das atuárias verificou a viabilidade dos preços da tabela de valores de Órtese, Prótese e Materiais Especiais (OPME) de uso do Plansaúde.

Durante a reunião o secretário explicou que os valores calculados pela empresa foram estabelecidos por meio de uma pesquisa de mercado realizada com os fornecedores. Segundo o relatório das atuárias, os preços médios apresentados terão que ser revistos periodicamente.

Com a apresentação do relatório, os membros da comissão terão até a próxima segunda-feira, 29, para enviar para a Secretaria Estadual da Administração (Secad) suas contrarrazões e observações. Uma nova reunião foi marcada para o dia 1º de junho para o Estado apresentar o texto inicial da nova minuta da portaria.

Já no dia 8 de junho as próprias atuárias contratadas pelo Estado farão o detalhamento do relatório em uma nova reunião da comissão.