Polí­tica

Foto: Divulgação

A Justiça Eleitoral do Tocantins finaliza os preparativos para a Eleição Suplementar em Taguatinga no próximo domingo, dia 4 de junho. 

Seguindo o cronograma do calendário das Eleições, Resolução nº 379/2017,  a partir dessa terça-feira (30/5), nenhum eleitor poderá ser detido ou preso, ressalvados os casos previstos no artigo 236, do Código Eleitoral.

Na quarta-feira, dia 1º de junho, é o último prazo para a realização de debates, bem como último dia para divulgação da propaganda eleitoral gratuita no rádio e na televisão. 

No sábado, dia 3 de junho serão realizadas a Cerimônia de Visualização de Data e Hora da urna eletrônica, o início da instalação das sessões e o preparo de todo o material logístico entre os 33 locais de votação.

Dia da Eleição

O dia 4 de junho cairá em um domingo. A votação iniciará às 8 horas e encerrará às 17 horas, no município de Taguatinga, sede da 17ª Zona Eleitoral. Cerca de 10 mil eleitores votarão pelo sistema biométrico e serão atendidos em 8 locais de votação e 33 seções de votação.

As novas eleições na cidade ocorrem após decisão proferida pelo Tribunal Superior Eleitoral no Recurso Especial Eleitoral nº 240-20.2016.6.27.0017, mantendo o indeferimento do registro de candidatura de Paulo Roberto Ribeiro ao cargo de prefeito de Taguatinga nas eleições municipais de 2016.