Cultura

Foto: Divulgação

A Fundação Cultural de Palmas traz ao palco do Teatro Fernanda Montenegro, o contratenor goiano Rodrigo Amorim. O artista realizará um recital de canto e piano, na programação desta 4ª Clássica, 7 de junho, às 20 horas, e ainda ministrará oficinas de canto e de cordas aos estudantes interessados, com certificado, na quinta, 08. 

O projeto da Fundação Cultural de Palmas promove concertos com grupos tocantinenses e convidados com o melhor da música de concerto.

Com um repertório de compositores renomados da música clássica, como Mozart, Schubert e G.F. Handel, além de canções do compositor brasileiro Valdemar Henrique e da participação de Aline Martins ao piano, a noite promete ser diferenciada. “Este será um concerto diferente e especial, por conta da participação de um músico de classificação vocal rara: um contratenor, uma voz masculina aguda semelhante à voz do Ney Matogrosso”, explicou a diretora artística do projeto, Renate Stephanes.

Oficina de Canto e de Cordas

As oficinas serão ministradas por Rodrigo Amorim, na quinta, 08, no Theatro Fernanda Montenegro, como extensão do projeto 4ª Clássica.  O objetivo é possibilitar aos estudantes de canto e de cordas friccionadas (violino, viola, violoncelo e contrabaixo) um aprofundamento das habilidades técnicas e estilísticas, na forma de aula prática.

De acordo com Amorim, em cada oficina será trabalhado o repertório específico dos alunos ou grupos vocais e instrumentais, com espaço para questionamentos e dúvidas por parte de todos os participantes do evento. Será disponibilizado certificado (5 horas). O valor de cada oficina será de R$ 20,00 e as inscrições podem ser feitas no Espaço Cultural ou pelos telefones: 2111-2405/ 2406.

Oficina de cordas- 9h às 11h. Valor R$ 20,00

Oficina de canto- 13h às 15h. Valor R$ 20,00

Rodrigo Amorim

Natural de Goiânia, Rodrigo Amorim é bacharel em regência coral pela Universidade Federal de Goiás (UFG) e mestre em musicologia pela University of North Dakota (EUA). Foi aluno de violino e viola dos professores Antonio Amorim, Jesus Paiva, Alessandro Borgomanero e Ivan Quintana e atuou junto a vários grupos do cenário nacional e em festivais e cursos, como o Festival de Inverno de Campos de Jordão, Festival Eleazar de Carvalho e San Diego Chamber Music Festival.

Em sua carreira como cantor (contratenor), teve aulas com renomados professores: Marília Vargas, Nicolau de Figueiredo, Neyde Thomas, Rio Novello, Edimar Ferreti, Dana Marsh, dentre outros. Desenvolve estudos sistemáticos sobre música antiga com ênfase no repertório da renascença e barroco e há anos dedica esforços à difusão do repertório específico para contratenores.