Cultura

Foto: Divulgação Remilvan vai apresentar 14 canções inéditas de sua autoria e de parceiros Remilvan vai apresentar 14 canções inéditas de sua autoria e de parceiros

Com a temática de amor ao planeta por meio da poesia musicada, o show “Aldeia Global” do cantor tocantinense Relmivan Milhomen será a próxima atração do Festival “Palmas para o Mundo”, uma realização da Fundação Cultural de Palmas (FCP) e parceiros. O evento será realizado nesta sexta, 16, às 20h30, no Teatro Fernanda Montenegro, com a gravação de um DVD ao vivo.

“Visamos fortalecer o trabalho dos nossos artistas ao oportunizar meios deles projetarem sua arte, difundindo nossa riqueza cultural por meio da música, tanto para a nossa sociedade, quanto para o mundo”, ressaltou o presidente da FCP, Hector Franco.

O Festival “Palmas para o Mundo” visa fortalecer e difundir a riqueza cultural tocantinense por meio da música. Após a gravação do DVD, o projeto realizará a promoção, divulgação e intercâmbio das apresentações do festival em países latino-americanos e em outros estados do País.

Show

Segundo Remilvan, o conceito do show “Aldeia Global” é uma declaração de amor ao planeta terra. “Por meio das canções cheias de poesia e emoção, algumas de uma profunda delicadeza, outras de uma alegria contagiante quero declarar à essência maior, que é a natureza que nos rodeia e o quanto é necessário a conscientização de todos para a preservação do nosso planeta”, explana o cantor.

O show apresenta 14 canções inéditas da autoria do cantor e parceiros, sendo que uma delas, de composição e interpretação do consagrado cantor Nilson Chaves, representante legítimo do Pará, mas que tem reconhecimento nacional, como sendo um dos melhores cancioneiros do País. Nilson Chaves estará no show como convidado especial, cantando “Pérola Azulada”, de sua autoria e outras composições de Relmivan.

Relmivan Milhomen

O cantor e compositor tocantinense Relmivan Milhomen, natural de Araguaína, vem de uma família de músicos, e desde cedo aprendeu a se expressar através de suas canções, sempre com um gosto apurado para o melhor da música popular brasileira, bem como sua música de raiz, com sua inconfundível viola. Iniciou sua carreira na década de 90 e teve como influência vários cantores e compositores tocantinenses.