Polí­tica

Foto: Divulgação Senadora tem criticado duramente as propostas das Reformas Previdenciária e Trabalhista do governo Michel Temer Senadora tem criticado duramente as propostas das Reformas Previdenciária e Trabalhista do governo Michel Temer

Na próxima segunda-feira, 3 de julho, a senadora Kátia Abreu (PMDB) reinaugura a extensão do seu novo gabinete do Senado da República, em Palmas/TO, localizado na Quadra 110 Norte (antiga Arne 14), na Alameda 25 (Av. JK. Esquina com Av. do Palacinho), às 19 horas. Anteriormente o gabinete funcionava na 204 Sul.

Nos últimos meses, a senadora tem criticado duramente as propostas das Reformas Previdenciária e Trabalhista do governo Michel Temer, por causa da crise política e econômica que assola o País.

Na última quarta-feira, 28, quando a Reforma Trabalhista foi aprovada na reunião da Comissão de Constituição e Justiça do Senado (CCJ), a qual Kátia Abreu (PMDB-TO) participou, a parlamentar disse que o Palácio do Planalto não tem legitimidade para implantar as reformas, devido as graves denúncias de corrupção que envolvem o alto escalão da Presidência.

Kátia Abreu é contrária a diversos dispositivos do texto da reforma, como a autorização para gestantes e lactantes trabalharem em local insalubre.

“Isso é um absurdo. Eu sou a favor das reformas, eu sou uma liberal, eu sou uma pessoa que procura se modernizar. Acho que tudo isso é passível de discussão. Mas, nesse momento, usar o mercado, usar o poder que tem hoje, para fazer essas reformas inadmissíveis, que não foram discutidas à altura, num governo que está caindo de podre, é uma vergonha para todos nós”, afirmou a senadora durante reunião da CCJ.

Iniciativas da Senadora

A senadora já enfrentou nacionalmente grandes desafios, a exemplo do movimento nacional pela extinção da Contribuição Sobre a Movimentação Financeira (CPMF), projeto da qual foi Relatora no Senado da República, quando o Congresso derrotou o Governo Federal e extinguiu o imposto. Também lutou pela implantação do corredor multimodal de transportes no Arco Norte, com a utilização de ferrovias, rodovias e a hidrovia do Tocantins, barateando o custo de escoamento da produção.

A senadora Kátia Abreu priorizou suas emendas parlamentares no combate ao câncer de mama no Estado do Tocantins, viabilizando recursos para a aquisição de mamógrafos e tomógrafos e a implantação de Núcleos de Atendimento ao Câncer de Mama em seis municípios do Tocantins, além de realizar uma campanha nacional no Congresso brasileiro para que os parlamentares fizessem o mesmo nos seus estados.

Perfil

Considerada uma das parlamentares mais atuantes do Senado, Kátia Abreu iniciou sua vida pública como presidente do sindicato rural de Gurupi, em 1.994. Posteriormente, em 1.996 foi eleita presidente da Federação da Agricultura e Pecuária do Tocantins (Faet), a qual atualmente é presidida pela senadora.

Após exercer o mandato de deputada federal como suplente na legislatura 1999-2002, Kátia foi eleita Deputada Federal em 2002 com 12,91% dos votos. Em 2006 foi eleita Senadora da República e reeleita em 2012. Presidiu a Confederação Nacional da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA) e também o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (MAPA).

Por: Redação

Tags: 110 Norte, Kátia Abreu, Senado