Polí­cia

Foto: Divulgação

A Polícia Civil do Tocantins, por intermédio da Delegacia Especializada na Repressão a Narcóticos (Denarc), deflagrou, na noite desta sexta-feira, 30, a operação Valquírias, a qual resultou na apreensão de 10 kg de maconha e na prisão em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico de Rutte R. da S., 18 anos, Kledna C. B., 26 anos e Luana I. de L., 22 anos.

Conforme a delegada Luciana Midlej, titular da Denarc e responsável pela operação, as três mulheres foram capturadas em duas residências localizadas no Jardim Taquari e, segundo apontaram as investigações da Delegacia Especializada, eram responsáveis por armazenar, distribuir e operacionalizar o tráfico de drogas na região sul da Capital, bem como efetuar remessas de entorpecentes para dentro da Casa de Prisão Provisória de Palmas.

No momento da abordagem policial, os agentes da Denarc apreenderam em poder das suspeitas, barras inteiras e fracionadas de maconha, várias balanças de precisão, além de insumos para embalar a droga. Após serem detidas, Rutte, Kledna e Luana foram conduzidas à sede da Denarc, onde foram autuadas em flagrante pelos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico.

 Em seguida, as três mulheres foram encaminhadas a Unidade Prisional Feminina de Palmas, onde permanecerão à disposição do Poder Judiciário.