Estado

Foto: Rondinelli Ribeiro

A Comarca de Colinas do Tocantins, localizada na região Noroeste do Tocantins, realiza, a partir desta segunda-feira (17/7), o mutirão de audiências criminais do mês de julho. O esforço concentrado pelo julgamento dos feitos segue até o dia 21/7.

Para o mutirão estão designados 66 processos. Serão realizadas audiências de instrução e julgamento, admonitórias, preliminares e inquirições. No primeiro dia de mobilização, a programação prevê audiências voltadas para ações de crimes contra a vida. Já nos demais dias, os trabalhos serão em torno do julgamento de crimes diversos.  

A iniciativa é coordenada pelo juiz Marcelo Eliseu Rostirolla e, segundo o magistrado, os mutirões na Vara Criminal de Colinas são realizados mensalmente para limpar a pauta de ações em andamento. “Desta forma possibilitamos uma resposta rápida e efetiva à sociedade e, ao mesmo tempo, contribuímos para a produtividade do Judiciário, permitindo que a Comarca e a Vara alcancem as metas fixadas pelo TJ e pelo Conselho Nacional de Justiça”, enfatizou.

Mutirão de Junho

A Vara Criminal de Colinas apresentou o saldo com os resultados do mutirão realizado entre os dias 20 e 23 de junho deste ano. Segundo o balanço divulgado pelo Cartório, em quatro dias de trabalho foram realizadas 48 audiências.

Dentre as ações julgadas, foram proferidas 24 sentenças, três despachos e 18 decisões deliberadas, totalizando 22 processos finalizados e 56 pessoas ouvidas.