Palmas

Foto: Divulgação

Será entregue nesta terça-feira, 5, na sede do Sebrae às 11 horas e às 19 horas na Praça Tarcísio Machado em Taquaruçu o relatório com o diagnóstico econômico, turístico e ambiental de Taquaruçu. Desenvolvido pelo Sebrae-TO e a Prefeitura de Palmas, através da Agência Municipal de Turismo (AGTUR), o projeto de Estruturação do Polo Turístico de Taquaruçu será um referencial técnico para identificar e estabelecer a permanência das atividades turísticas do Distrito que já está sendo um dos mais procurados destinos turísticos do Tocantins.  

O diagnóstico apresentará o mapeamento georreferenciado dos atrativos naturais e seus acessos, atualizando a descrição das características físicas dos atrativos. Também serão apresentados o nível de dificuldade de trilhas de acessos, a capacidade de carga dos atrativos, fluxo de pessoas e a construção de destinos turísticos para orientar o desenvolvimento das potencialidades.

Para o superintendente do Sebrae Tocantins, Omar Hennemann, o diagnóstico é uma ferramenta que tem a finalidade de direcionar as próximas ações que confirmam Taquaruçu como destino turístico sustentável. “Com as ações mapeadas, o próximo passo é intensificar ações de fortalecimento dos pequenos negócios na região. Dessa forma, estimula-se o empreendedorismo nos moradores do distrito, com destaque para as habilidosas artesãs que desenvolveram uma nova coleção chamada de Fava de Bolota, nos negócios que se ampliaram com o advento do Festival Gastronômico, cujos resultados na geração de trabalho e renda, além da promoção e inclusão social”, completou Hennemann. 

Turismo

De acordo com o Instituto Brasileiro de Turismo-Embratur, o ecoturismo é um segmento da atividade turística que utiliza, de forma sustentável, o patrimônio natural e cultural. Além disso, incentiva a conservação e busca despertar a consciência ambientalista por meio da interpretação do ambiente, promovendo o bem-estar das populações.