Estado

Foto: Luzinete Bispo

O Governo do Estado está pagando as indenizações das desapropriações onde passará o traçado das rodovias TO-444 e TO-447, que serão pavimentadas no trecho que liga Paraíso do Tocantins a Chapada de Areia. As desapropriações são de terras que passarão a compor a faixa de domínio da rodovia por onde passará o asfalto. A expectativa da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto) é de emitir a ordem de serviço após o retorno do governador Marcelo Miranda do Japão, dia 23 de setembro.

O projeto de pavimentação totaliza 37 km com previsão de investimento de R$ 26.460.842,90 milhões. Os recursos são provenientes do Projeto de Desenvolvimento Regional Integrado e Sustentável (PDRIS), na modalidade pavimentação, financiada pelo Banco Mundial. A via será feita com revestimento do tipo Tratamento Superficial Duplo (TSD), todo o projeto foi desenvolvido após estudos de tráfego, ambiental e de viabilidade socioeconômica.

Depois da assinatura da ordem de serviço a execução da obra tem prazo de 600 dias. Chapada da Areia ainda não tem nenhuma ligação pavimentada, sendo que as duas únicas rodovias estaduais que chegam até a cidade são estradas de terra. A expectativa é que a pavimentação venha beneficiar uma população estimada de 51,4 mil habitantes daquela região.