Campo

Foto: Divulgação

Para promover o aperfeiçoamento e o conhecimento na área de bovinocultura de leite, o Serviço Nacional de Aprendizagem Rural do Tocantins (SENAR/TO), em parceria com o Sindicato Rural de Tocantinópolis e a Secretaria Municipal da Agricultura de Nazaré, oferecem o Curso de Inseminação Artificial de Bovinos, para 15 produtores da região, o treinamento teve início, dia, 18 e será finalizado na sexta-feira, 22.

O curso tem 40 horas de duração e são ministrados por uma equipe de médicos veterinários, incluindo aulas teóricas, práticas de manipulação de botijões de sêmen, técnicas de inseminação artificial, noções de melhoramento genético, raças, linhagens, sanidade animal e implantação de programas de inseminação artificial em estabelecimentos rurais.

O público-alvo é formado por produtores e trabalhadores rurais com idade mínima de 18 anos, o objetivo é capacitar para a inseminação artificial, visando o melhoramento genético do rebanho, orientar a implantação e utilização da técnica de inseminação artificial, suas vantagens como ferramenta de difusão de material genético de reprodutores de raças leiteiras.

“A inseminação artificial traz como vantagem o melhoramento genético do rebanho, em tempo reduzido e com baixo custo de investimento com utilização de sêmen de reprodutores superior para a produção de leite”, observa o Instrutor: Marcos Antônio Aguiar Junior.

Para o aluno Alexandre Ferreira Rodrigues, o treinamento veio em boa hora "uma vez que o desemprego está muito grande no Brasil, e com este curso eu vou ter melhores oportunidades de trabalho, agradeço ao Senar, e a sua presidente senadora Kátia Abreu, por nos conceder esse curso aqui em nosso município", disse Rodrigues.