Polí­cia

Foto: Divulgação

A Polícia Civil do Tocantins, por intermédio da Deic sul - Delegacia Estadual de Investigações Criminais de Gurupi, realizou, na manhã desta sexta-feira, 6, a incineração de 740 quilos de drogas provenientes de apreensões efetuadas pelas Polícias Civil, Militar e Rodoviária Federal, no período de junho a outubro deste ano (2017), na região sul do Estado.

Conforme o delegado Rafael Fortes Falcão, que coordenou a operação, dentre os 740 kg estão os 333 kg de cocaína de alta pureza, apreendidos pela Deic sul, nos dias 30/09 e 02/10, na zona rural de Formoso do Araguaia e em Gurupi, respectivamente.

A ação, realizada em uma cerâmica de Gurupi, foi devidamente autorizada pelo Poder Judiciário, sendo acompanhada por representantes do Ministério Público Estadual, Vigilância Sanitária, Perícia Criminal, além dos policiais civis da Deic sul, os quais contaram com apoio de policiais da 3ª Delegacia Regional e da 2ª Delegacia de Polícia.

Para o delegado Rafael Falcão, titular da Deic sul, a grande quantidade de entorpecente destruído reflete as boas ações de combate ao tráfico de drogas e a criminalidade em geral, que têm sido realizadas pela Polícia Civil, não só em Gurupi, mas em todo Estado, pois quase 50% das drogas incineradas foram apreendidas, através de ações da Polícia Civil Tocantinense.

“Ficamos muito satisfeitos com a apreensão e a destruição dessa quantidade de substâncias entorpecentes, pois dessa maneira, conseguimos livrar a sociedade tocantinense de mais de 740 kg de drogas que não mais chegarão às mãos de traficantes e usuários desta cidade e outras circunvizinhas”, ressaltou o delegado.

O delegado-Geral da Polícia Civil, Claudemir Luiz Ferreira, falou que, “As ações que vêm sendo implementadas pela Polícia Civil em todo o estado, têm possibilitado grandes apreensões o que, consequentemente resultam nessa expressiva destruição de drogas. Isso representa o esforço e o comprometimento da Polícia Civil do Estado do Tocantins no combate e na repressão às organizações criminosas, que tanto mal fazem à sociedade tocantinense”, declarou.

De acordo com o delegado-Geral o trabalho investigativo da Polícia Civil continuará de maneira incansável, objetivando dar mais segurança à sociedade.

Por: Redação

Tags: Gurupi, Incineração, Polícia, Polícia Civil