Polí­cia

Foto: Divulgação

A jovem Dáleti Jeovana Pereira Neres, 20 anos de idade, atentou contra a própria vida na noite desse sábado, 21, na Capital. Dáleti estudava Jornalismo na Universidade Federal do Tocantins (UFT) e havia publicado dia 17 texto metafórico em sua página do Facebook, dando sinal de que não estava bem. "A essa hora do dia Ana pensa em suicídio. Ana planeja como suicidará seu sofrimento", escreveu. 

Amigos lamentam o ocorrido. A universitária adorava cantar e era muito esforçada nos estudos e no trabalho. 

Segundo a Polícia Militar, uma testemunha informou que conversava na sala de casa com Dáleti - residência em que Dáleti morava com irmã e amiga - quando a jovem, então, dirigiu-se para a área de serviço. Como Dáleti demorou a voltar, a testemunha foi procurá-la e deparou-se com a mesma enforcada, com corda no pescoço. 

A perícia foi acionada e o corpo conduzido ao Instituto Médico Legal (IML) da capital.

UFT

A Universidade Federal do Tocantins (UFT) informou por meio de nota que Dáleti Jeovana era acadêmica do 5º período do curso de Jornalismo, no Câmpus de Palmas.

De acordo com informações de colegas e amigos, o corpo será velado a partir das 18h deste domingo, 22, na Igreja Sião, Rua Osvaldo Cruz, Quadra 21, Lote 01, no setor Aureny II, próximo ao Colégio Tiago Barbosa. 

O curso de Jornalismo emitiu nota a respeito do falecimento da aluna e suspendeu as aulas de segunda-feira (23). "Talentosa, Daleti tinha 20 anos e era acadêmica do 5° período. (...) O colegiado de Jornalismo informa ainda que as atividades acadêmicas desta segunda-feira (23) estão suspensas. Uma homenagem à Daleti é organizada por amigos, colegas e professores do curso".