Polí­tica

Foto: Divulgação Deputado Dorinha e o ministro de Minas e Energia Fernando Coelho Filho Deputado Dorinha e o ministro de Minas e Energia Fernando Coelho Filho

O ministro de Minas e Energia, Fernando Coelho Filho, em audiência com a deputada federal professora Dorinha Seabra Rezende (DEM/TO), informou que o programa Luz para Todos já está sendo retomado no Tocantins. Essa era uma demanda da parlamentar que estava acompanhando o processo de liberação da verba para a retomada do programa. No Tocantins, o programa Luz para Todos já atendeu cerca de 100 mil famílias.

Já foi feita pelo Governo Federal a liberação de R$ 23.816.256,00, o que viabiliza realizar ligações para atender 1.916 domicílios ainda em 2017 em 34 municípios tocantinenses. Foram contratadas 32 empreiteiras para concluir essa ação.

“Esse é um programa que faz toda a diferença no Tocantins, no interior, em especial para o pequeno produtor rural. Temos a expectativa que a meta seja cumprida para este ano. O Luz para Todos trará qualidade de vida, garantindo o respeito à cidadania daqueles que ainda não têm energia elétrica”, disse Dorinha.

Segundo o responsável pelo programa no Tocantins, Antônio Vilarindo, a meta para essa etapa do programa é atender 6.416 domicílios num orçamento total previsto de R$ 123 milhões. “O restante dos municípios que não estão nesse contrato serão atendidos pela universalização de responsabilidade de execução e orçamento da concessionária que está em andamento”, explicou.

Cidades que estão sendo atendidas nesta etapa:

Ponte Alta do Tocantins, Almas, Conceição do Tocantins, Porto Alegre do Tocantins, Paranã, Jaú do Tocantins, São Salvador do Tocantins, Abreulândia, Pugmil, Lavandeira, Novo Alegre, Novo Jardim, Ponte Alta do Bom Jesus, Rio da Conceição, Taipas do Tocantins, Aparecida do Rio Negro, Campos Lindos, Centenário, Darcinópolis, Recursolândia, São Sebastião do Tocantins, Arraias, Brejinho de Nazaré, Lagoa do Tocantins, Lizarda, Novo Acordo, Oliveira de Fátima, Santa Rita do Tocantins, São Félix do Tocantins, Crixás do Tocantins, Dueré, Figueirópolis, Pindorama do Tocantins e Silvanópolis.