Economia

Segundo a pesquisa intitulada “Índice de Confiança do Empresário do Comércio” (ICEC), o mês de março registrou um expressivo aumento no . A pesquisa foi realizada mensalmente pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) em parceria com a Fecomércio Tocantins. O índice geral de março obteve um crescimento de 5 pontos com relação ao mês anterior, chegando 122,3 pontos.

Outros dados importantes estão relacionados às expectativas para os próximos meses. Para 88,6% dos entrevistados, a expectativa é que haverá melhoria na economia, semelhante ao porcentual dos que acreditam na melhoria do setor, cerca de 88,1%. Já sobre a expectativa com relação à sua empresa, o total de entrevistados que dizem esperar melhorias chega a quase 93%. Sobre as contratações, os empresários que pretendem aumentar o número de colaboradores nos próximos meses representam 69,6%.

Para o presidente do Sistema Fecomércio, Itelvino Pisoni, este crescimento era esperado. “Com a retomada da economia e a queda no desemprego é natural que o mercado comece novamente a se aquecer. Consequentemente, o comércio começa a reagir e isso impacta diretamente o empresário, que se sente mais confiante. A partir disso, novos investimentos são feitos nas empresas, e isso se torna um ciclo, gerando mais empregos e renda”, afirmou.

De acordo com a pesquisa, 55,2% irão fazer um investimento maior em suas empresas. Já sobre o estoque atual, 66,5% disseram ter estoque no nível adequado e 21,9% acima do adequado. A pesquisa ouviu 120 empresas, nos últimos dez dias do mês de fevereiro.

Por: Redação

Tags: CNC, Fecomércio, Icec, Itelvino Pisoni