Polí­tica

Foto: Divulgação A deputada também foi responsável pela implantação do IFTO em outros municípios A deputada também foi responsável pela implantação do IFTO em outros municípios

A deputada professora Dorinha (Democratas/TO) protocolou nessa última quinta-feira, 5, uma indicação ao Ministério da Educação solicitando a implantação de um câmpus do Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Tocantins (IFTO) no município de Miranorte.

A justificativa para a implantação do instituto, segundo a democrata, é que o câmpus beneficiará a microrregião da qual o município faz parte, e que também estão inclusas outras 23 cidades que possuem uma dinâmica econômica própria, baseada na agropecuária, na agroindústria e no comércio. 

“Como há uma carência de profissionais em cursos técnicos em vários municípios circunvizinhos, a instalação do IFTO só irá contribuir no fornecimento de mão-de-obra qualificada”, afirmou Dorinha.

Também tramita na Câmara dos Deputados o Projeto de Lei 3.613/15, de autoria da Professora Dorinha, que cria câmpus do IFTO nos municípios de Guaraí, Miracema do Tocantins, Palmeirópolis, Taguatinga e Xambioá. A matéria já foi aprovada na Comissão de Trabalho, Administração e Serviço Público e agora está para apreciação na Comissão de Educação. O relator da proposição naquela comissão é o deputado Onix Lorenzoni (DEM/RS)

Outros Câmpus

Professora Dorinha também foi a responsável pela implantação do IFTO nos municípios de Dianópolis, Paraíso do Tocantins, Pedro Afonso e Lagoa da Confusão.