Estado

Membro Correspondente da Academia Gurupiense de Letras no Rio Grande do Sul e dono de uma extensa bibliografia, o escritor Nelson Hoffmann está divulgando no Tocantins o seu mais recente livro. Trata-se do romance "O homem e o bar", publicado sob a égide da Associação Cultuarte Missões, em parceria com EDIURI e a Editora Ledix.

Nelson Hoffmann tem estreitas ligações com o Estado do Tocantins, em especial com Gurupi, onde mantém um profícuo intercâmbio cultural com os principais escritores da cidade, tanto que integra os quadros de Membros Correspondentes da AGL. Nascido em 19 de dezembro de 1939, em Roque Gonzales (RS), onde reside, Nelson Hoffmann é advogado, contabilista e, sobretudo, professor. Ocupou altos cargos públicos. Integrante de academias e entidades culturais, correspondente de jornais e revistas, conselheiro editorial, é verbete de dicionários e enciclopédias. Considerado o mestre da narrativa longa na literatura missioneira, pratica todos os gêneros literários, preferindo a ficção.

Traduzido nos Estados Unidos, França e Itália, é também publicado no Uruguai e em Portugal. Foi agraciado com os troféus "Amigo do Livro", da Casa do Poeta, dentre outros. Participa de diversas antologias literárias e tem mais de três dezenas de trabalhos individuais publicados, destacando-se: " A bofetada", 1978 (romance); "Onde Está Maria?", 1997 (romance); " Quando a bola faz a história", 2000 (crônica histórica), " Eu vivo só ternuras", 2002 (novela), "Este Mundo é Pequeno" (crônicas), dentre outros.

Zacarias Martins

Por: Redação

Tags: Estado, jornais, Tocantins