Palmas

Nesta quinta-feira, 30, equipes coordenadas pela diretoria do Conselho Regional de Farmácia do Tocantins (CRF-TO), envolvendo desde a presidência do Conselho Regional, o conselheiro federal até voluntários não ligados ao ramo, percorrerão todas as farmácias e drogarias da Capital, bem como os órgãos públicos da área de saúde.

A ação tem a finalidade de instigar a participação dos profissionais e funcionários das empresas no 2º Congresso de Farmácia e Análises Clínicas do Tocantins. "É necessário que nós compartilhemos com os colegas a nossa visão, que beneficia a categoria, fazendo-os conhecer nossos objetivos com a realização do Congresso e que venham somar conosco neste evento", disse a presidente do CRF-TO, Carmen Íris Tolentino.

As equipes estão divididas nos turnos matutino e vespertino e sairão da sede do CRF-TO a partir das 8h e 14h. Devidamente uniformizada, cada equipe receberá o guia de empresas a serem visitadas, de modo que as cerca de 90 farmácias de Palmas sejam alcançadas.

Na farmácia, os membros da equipe farão abordagem sobre toda a programação do evento, destacando a relevância do tema para cada departamento da farmácia, bem como distribuirão materiais de divulgação (cartazes, fôlderes...), além de realizarem inscrições no local, dando comodidade aos que desejam participar do Congresso.

O Congresso

O Conselho Regional de Farmácia do Tocantins (CRF-TO) realizará nos próximos dias 13 e 15 de setembro, no Espaço Cultural em Palmas, o 2º Congresso de Farmácia e Análises Clínicas do Tocantins. Tanto profissionais como estudantes do curso de Farmácia terão oportunidade atualizar conhecimentos durante o evento.

O congresso tratará sobre a "Segurança sanitária dos serviços farmacêuticos", tema em evidência atualmente, em especial pela Consulta Pública 69 da Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). A Consulta 69 é uma consulta aos farmacêuticos sobre a regularização de serviços que são feitos na farmácia, mas que ainda são considerados "ilegais" como aferição de pressão, venda de produtos de higiene e etc

Além da presença de nomes conhecidos da profissão farmacêutica nas palestras, cursos e mesas-redondas, as atividades estão direcionadas para atender de um extremo a outro da profissão. A exemplo dos encontros paralelos, como o dos Profissionais do Varejo Farmacêutico, voltado para o quadro funcional da farmácia (balconistas, gerentes, responsáveis técnicos e proprietários), e dos Farmacêuticos do SUS, para profissionais do serviço público.

Na programação do Congresso ainda consta a realização da I Expofarma, uma exposição de produtos e serviços farmacêuticos que já tem garantida a presença grandes nomes do ramo. "Será um momento de muito proveito para profissionais que às vezes não têm condições de fazer uma atualização fora e poderão se qualificar neste Congresso e quem ganha com isso é a população, que irá dispor cada vez mais de melhores serviços", concluiu o conselheiro federal pelo Tocantins, Amilson Álvares.

Da redação com informações da Assessoria de Imprensa

Por: Redação

Tags: Palmas, Tocantins, varejo