Estado

Entre os dias 22 a 24 de outubro, será realizado, no Tocantins, o Curso de Emergências Químicas, ministrado pelo químico Agnaldo Ribeiro de Vasconcelos, vinculado à Cetesb - Companhia de Tecnologia e Saneamento Ambiental de São Paulo há mais de 30 anos, e o biólogo Sérgio Greif. Mais de 30 bombeiros, técnicos da Defesa Civil e órgãos vocacionados para a área devem participar do treinamento, no auditório do Naturatins.

Entre os assuntos abordados estão os conceitos básicos de acidentes ambientais, os riscos associados a cada classe de produto químico, a tecnologia existente para detecção de gases e vapores tóxicos e inflamáveis, atendimento às emergências químicas no transporte

rodoviário e nos postos retalhistas. Equipamentos de proteção individual e descontaminação também serão enfocados. O curso encerra com discussão de casos

práticos, seguida de um exercício simulado.

Além do Corpo de Bombeiros e Defesa Civil, participam do treinamento: Polícia Militar, Cipama, Dertins, 22º Batalhão de Infantaria/Exército, Guarda Metropolitana de Palmas, Ibama, Infraero, Marinha, Naturatins, Polícia Rodoviária Federal, Secretarias de Estado da

Saúde e dos Recursos Hídricos.

Referência

Desde 1992, a Cetesb é um Centro Colaborador em Preparação de Emergência para Casos de Desastres escolhida pela OPAS - Organização Pan-Americana da Saúde e pela OMS - Organização Mundial da Saúde com reconhecimento internacional. A companhia integra o

Governo de São Paulo e tem como finalidade desenvolver ações de controle, fiscalização e monitoramento da qualidade ambiental das águas, ar e solo.

A atuação preventiva e intervencionista da Cetesb ligada à poluição aguda, que envolve as emergências químicas, é referência para a Companhia. Essas emergências podem ser geradas a partir dos diferentes segmentos que manipulam produtos químicos: indústria,

armazenagem, transporte (terrestre, marítimo e aéreo), entre outros.

Ascom Corpo de Bombeiros Militar

Por: Redação

Tags: Estado, tecnologia