Estado

Treze policiais femininas de Palmas, Araguaína e Gurupi, formadas na 2ª turma do curso de soldados realizado em janeiro de 1990, estiveram reunidas na tarde desta quarta-feira, 13, com o comandante geral, coronel David Henrique Montelo Monteiro, para solicitarem a inclusão no Curso Especial de Cabos.

Segundo a soldado Vânia Lúcia de Lima Santos, da turma de 44 policiais femininas, restam somente essas 13 que ainda não são graduadas, as outras já são cabo, sargento, subtenente, tenente e até capitão. “Sabemos que o nosso comandante ver a necessidade de crescimento do policial dentro da Corporação, por isto nós viemos pedir-lhe esta oportunidade de sermos inseridas no Curso Especial de Cabos, já que ao longo desses 18 anos não conseguimos esta graduação.

O coronel Montelo informou que o pleito vai ser analisado e que a intenção do comando é sanar esta situação pendente, dentro dos trâmites legais.

Fonte: Ascom PM-TO

Por: redação

Tags: Estado, Polícia Militar