Estado

Foto: Luciano Ribeiro Marcelo Miranda e a superintendente nacional da Caixa, Milena Vieira, durante a solenidade. Marcelo Miranda e a superintendente nacional da Caixa, Milena Vieira, durante a solenidade.
  • Foto - Luciano Ribeiro
  • Foto - Luciano Ribeiro
  • Foto - Luciano Ribeiro

O anúncio oficial da disponibilização de R$ 531 milhões em recursos para obras nos municípios, durante solenidade ocorrida nesta sexta-feira, 22, na sede da Superintendência da Caixa Econômica Federal em Palmas, foi comemorado pelos prefeitos presentes na solenidade. O evento contou com a presença de deputados federais, estaduais, senadores, lideranças, do governador Marcelo Miranda (PMDB), além da superintendente nacional da Caixa para a região norte, Milena Vieira Pinheiro. Os recursos beneficiarão 117 localidades, com obras nas áreas de habitação, saneamento e infra-estrutura.

Do montante de meio bilhão de reais, R$ 219 milhões são de investimentos do governo do Estado. O restante, R$ 312 milhões, representa repasses e financiamentos do governo federal ao Estado e aos municípios e suas respectivas contrapartidas

Em entrevista, o governador destacou que o Tocantins deu avanço significativo, com o anúncio dos recursos. “Nós vamos dar um salto altamente positivo nos setores de habitação, urbanização e infra-estrutura. O governo federal liberou esse montante de recurso, que vai beneficiar mais de 100 municípios, e vamos tentar chegar em todos os 139 municípios do Tocantins”, afirmou, acrescentando que cerca de 17 mil casas serão construídas no estado com os recursos.

Uma das prefeituras que já estão adiantadas para receber os recursos para obras é a de Porto Nacional, a 64 km da capital. Segundo o prefeito do município, Paulo Mourão (PT), foi assinado um pacote de obras no valor de R$ 14,7 milhões, em convênios com os governos do Tocantins e federal. Os recursos serão destinados à construção de 500 casas populares, que levará o nome de Parque Governador Marcelo Miranda, obras de pavimentação asfáltica em cinco bairros, turismo e agricultura. “São essas ações compartilhadas e integradas que compõem o desenvolvimento dos municípios tocantinenses”, afirmou.

Outra prefeitura que já encaminhou projetos à Caixa Econômica foi a de Aurora do Tocantins, a 496 km de Palmas. Segundo o prefeito Dional Vieira de Sena (PMDB), o município assinou convênios com o governos federal e do Tocantins, para a construção de 50 casas populares e 12 mil metros quadrados de asfalto. “É uma maravilha para nosso município, pois estamos trazendo para os moradores uma melhor qualidade de vida”, afirmou.

Para o presidente da ATM – Associação Tocantinense dos Municípios, e prefeito do município de Alvorada, a 319 km de Palmas, José Wached (PMDB), a parceria entre a ATM, Caixa Econômica e o governo do Tocantins vai propiciar a aceleração dos recursos. “Dessa forma, os prefeitos têm mais uma chance de implementar as obras”, afirmou, durante o discurso de inauguração da Sala das Prefeituras.

Segundo o superintendente regional da Caixa, José Messias, após a liberação dos recursos, os prefeitos precisam apresentar e encaminhar os projetos das obras. “Com a inauguração da sala das Prefeituras, os prefeitos contarão com toda infra-estrutura técnica para os auxiliarem. Para contar com os recursos, eles precisam agora apresentar e executar os projetos e assim receber as autorizações para liberação dos recursos”, afirmou.

José Messias frisou também os recursos vão movimentar ainda mais a economia do Tocantins. “Os setores da construção civil, metalurgia, comerciantes e industriais terão uma demanda muito grande, o que vai favorecer a economia no estado”, destacou.

Fonte: Secom

Por: redação

Tags: Estado, Urbanização