Esporte

O Alvorada foi julgado na noite desta segunda-feira, 26, pela 2ª Comissão Disciplinar da Justiça Desportiva do Tocantins, no Italian Palace Hotel, em Palmas e perdeu seis pontos da sua campanha no Campeonato Tocantinense de Futebol na segunda fase, no grupo C.

O time escalou de forma irregular o atacante Warley na partida contra o Gurupi no dia 17 deste mês, na quarta rodada da segunda fase, na casa do adversário, quando o time venceu por 2 a 1, com gol de pênalti marcado pelo atacante.

Com a perda dos pontos, o Alvorada que liderava o grupo com nove pontos ganhos ficou com apenas três e como só tem mais um jogo a disputar está eliminado da competição neste ano.

Mesmo que vença o Tocantins na última rodada só alcança seis pontos – Gurupi e o próprio Tocantins já somam sete pontos. O time que há pouco mais de uma semana estava praticamente classificado, é o único dentre os oito participantes desta fase que está eliminado.

O presidente do clube, Brasilon, acompanhado do advogado, ainda tentou adiar o julgamento, mas a comissão e o procurador, Belmiran de Souza não permitiram, alegando que todo o processo estava dentro da legalidade. A diretoria prometeu recorrer e ao mesmo tempo vai precisar injetar ânimo no reduzido grupo de atletas, para que possa encerrar a participação na chave.

O temor de alguns torcedores é que a diretoria dissolva o time antes da partida contra o Tocantins e o clube seja punido com mais dois anos de suspensão – o Alvorada voltou neste ano depois de ser anistiado pela Federação Tocantinense de Futebol, da suspensão de dois anos imposta ao clube no ano de 2006.

 

Fonte: A Notícia