Estado

O evento que determinará quais as demandas de qualificação profissional de 11 municípios da região sudeste acontece nesta quarta- feira, 4, no Centro de Ensino Médio Antonio Póvoa, às 18h, em Dianópolis. Na sexta, 6, Gurupi, recebe a 3ª Audiência Pública com o mesmo objetivo. Lá, dez cidades estarão reunidas no Centro de Ensino Médio Gurupi, a partir 18h30. O secretário da Juventude Ricardo Ayres, estará presente nos dois encontros.

Na 1º Audiência Pública realizada em Araguaína na semana passada, dos cursos oferecidos, a maioria absoluta dos municípios da região do Bico do Papagaio, elegeu Beleza Estética, Gestão Pública, Terceiro Setor e Agro extrativista, como áreas de ocupação viáveis para serem ministradas em suas comunidades. Vários gestores públicos participaram das audiências.

O Projovem Trabalhador congrega doze arcos ocupacionais distintos. Administração, Gestão Pública e Terceiro Setor, Agro Extrativista, Arte e Cultura, Beleza Estética, Madeira e Móvel, Metal Mecânica, Serviços Domiciliares, Telemática, Turismo, Hospitalidade e Vestuário. Dentro destes arcos mais de 40 cursos estão sendo oferecidos. Nessa perspectiva é que a Secretaria da Juventude (Sejuv) resolveu de forma inovadora promover as Audiências Públicas.

A metodologia de realização dos encontros regionais, segundo Ayres é pioneira e tem tudo para dar certo. “O nosso objetivo é fazer valer a vontade de cada localidade. O respeito à potencialidade de cada região, de cada município, será determinante para a consolidação do Projovem Trabalhador nas 73 cidades onde está sendo implantado. Por conseqüência, a geração de emprego e renda virá e quiçá superaremos a meta de 30% estabelecida pela Coordenação Nacional do programa”.

A previsão é que as inscrições para o programa sejam abertas no fim de março, com início das atividades ainda no primeiro semestre de 2009. O curso profissionalizante tem duração de seis meses e podem participar pessoas de 18 a 29 anos de idade que recebem bolsa-auxílio de R$ 100,00 por mês.

Fonte: Sejuv

Por: Redação

Tags: Dianópolis, Estado, Projovem, Ricardo Ayres, Sejuv