Geral

Foto: Divulgação

As operadoras de telefonia móvel Brasil Telecom e Oi Celular ficaram entre as empresas mais reclamadas em junho deste ano, segundo divulgou a Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) na última quarta-feira (22). As empresas também obtiveram os piores resultados no IDA (Índice de Desempenho no Atendimento) do sexto mês deste ano.

De 1º a 30 de junho, o índice de reclamações da primeira empresas na Central de Atendimento da Anatel foi de 0,536 (a cada mil assinantes) e 0,519 para a Oi. Além disso, as operadoras Claro, Tim e AEIOU também ficaram entre as cinco mais reclamadas, com 0,408, 0,314 e 0,257, na ordem.

Completando o ranking de reclamações, está a CTBC Celular (0,248), a Vivo (0,163) e Sercomtel Celular (0,162). Entre as operadoras de telefonia fixa, as mais reclamadas na modalidade de ligação local foram a Tim (3,053), a Telefônica (1,770) e Embratel (1,137). Para a longa distância, os destaques ficaram com GVT (0,085), Telefônica (0,067) e Intelig (0,037).

Desempenho de Atendimento

Considerando o Desempenho de Atendimento, a Oi Celular e a Brasil Telecom GSM obtiveram os piores resultados do mês, com notas de 58,334 e 59,462, respectivamente. Entre as operadoras de celulares com os melhores desempenhos estão a Vivo, com nota 100, a Sercomtel (92,857), a Tim (88,331) e a CTBC Celular (84,981), como é possível verificar na tabela abaixo:

Operadora

Nota
Vivo 100

Sercomtel Celular

92,857

TIM

88,331

CTBC Celular

84,981

Claro

84,377

AEIOU

63,792

Brasil Telecom GSM

59,792

Oi Celular

58,334

Fonte: Anatel

 

Desde janeiro deste ano, a Anatel adotou um novo indicador de atendimento, o IDA, que leva em consideração a capacidade das prestadoras de atender as demandas em um prazo de cinco dias, de diminuir as reclamações dos consumidores, de reduzir as pendências e evitar reincidências. As operadoras partem da nota 100 e perdem pontos pelos desvios em relação a metas de desempenho previamente estabelecidas.

Fonte: InfoMoney

Por: Redação

Tags: Brasil Telecom, Claro, Oi, Telefonia, TIM, Vivo