Palmas

A implantação da Lei 11.947 que trata da compra obrigatória de 30% da merenda escolar de produtos produzidos pela agricultura familiar, sancionada em junho, seguindo diretrizes do Plano Nacional de Alimentação Escolar - PNAE- é um dos temas a ser debatido no Seminário Estadual de Cooperativas para planejamento da operacionalização do PAA Alimentação Escolar que será realizado nos dias 17 e 18 de agosto no Hotel Estrela em Palmas.

No primeiro dia de encontro, os agricultores familiares e as associações, debaterão o mercado da alimentação escolar no Tocantins e a apresentação de potencialidades e problemas para fornecimento de produtos da agricultura familiar para o programa.

Dia 18, agricultores familiares, representantes de prefeituras e outras autoridades, entre elas o vereador Bismarque do Movimento (PT), irão discutir as expectativas e perspectivas das prefeituras municipais frente a nova Lei da Alimentação Escolar e planejamento da operacionalização da comercialização por região (Norte, Sul/Sudeste, Médio Norte e Centro) no Estado.

A realização do Seminário é da Cooperativa de Trabalho, Prestação de Serviços, Assistência Técnica e Extensão Rural – COOPTER e União Nacional de Cooperativas e Agricultura Familiar- UNICAFES.

Fonte: Assessoria de Imprensa ver. Bismarque do Movimento