Polí­tica

Foto: Ises Oliveira

O presidente da Assembleia Legislativa (AL), deputado Júnior Coimbra (PMDB), pronunciou-se, na manhã desta terça-feira, dia 15, em relação ao projeto de resolução que determina as regras da eleição indireta para o mandato tampão e informou que vai aguardar orientação do Tribunal Superior Eleitoral – TSE - para concluir a matéria. A declaração foi feita após a apresentação dos projetos do Executivo, lidos pelo próprio governador interino, Carlos Henrique Gaguim (PMDB), durante a sessão ordinária.

Coimbra ressaltou que a matéria que trata da eleição para escolha do governador e vice-governador não será mais apreciada pelos parlamentares na sessão desta terça-feira, dia 15, como previsto anteriormente. A mudança se deve a algumas dúvidas que surgiram no decorrer das visitas ao Tribunal Regional Eleitoral - TRE -, Tribunal de Justiça do Tocantins – TJ -, ministérios públicos do Estado e da União, Defensoria Pública do Estado e de encontro com representantes da Ordem dos Advogados do Brasil – OAB.

“Nós resolvemos analisar melhor o projeto que ainda está sendo elaborado, para que seja apreciado pelo nosso colegiado, sem nenhuma dúvida ou brecha para ação judicial”, comentou Coimbra.

O presidente interino da AL anunciou também que vai aguardar a reunião que o governador Carlos Gaguim terá com o presidente do Tribunal Superior Eleitoral - TSE, ministro Carlos Aires Brito, nesta terça-feira, à noite, e que, somente depois das orientações, dará prosseguimento ao processo de eleição.

 

Fonte: Dicom/AL