Geral

Foto: Zacarias Martins

O Hospital Regional de Gurupi (HRG) está digitalizando mais de 130 mil prontuários de pacientes que ficaram internados na unidade hospitalar de 1992 até os dias atuais.

A digitalização que está sendo implantada pela Secretaria de Estado da Saúde - Sesau, consiste na triagem, cadastro e digitalização dos prontuários dos pacientes, estruturando um Prontuário Único.

A coordenadora do SPP – Serviço de Portaria e Prontuários do HRG, Jaciara Brito, explica que o prontuário único é um serviço que irá gerar informações sobre todos os pacientes atendidos no hospital, com maior rapidez, diminuindo custos com materiais, exames complementares e tempo.

“Esse sistema representará maior agilidade no atendimento no hospital, além de facilitar o acompanhamento médico no caso de continuidade de tratamento, pois constam informações de exames e procedimentos realizados no paciente”, afirmou a coordenadora, ressaltando que dentre os principais motivos que levam uma pessoa a procurar a cópia de seu prontuário médico estão as iniciativas para dar entrada no seguro DPVAT, aposentadoria por invalidez e licença médica.

A digitalização dos prontuários dos pacientes do HRG está sendo feito por uma equipe de 45 pessoas que trabalham divididas em dois turnos das 07 às 16:50min e das 17:00 às 03:00. O prazo previsto para a conclusão dos trabalhos é de 90 dias.

Da redação com informações Ascom/HRG