Geral

Foto: Claudio Frascari

A comissão permanente de monitoramento do trânsito composta por vários segmentos da sociedade gurupiense promoveu nesta quarta-feira, 11, no Centro Cultural Mauro Cunha em Gurupi o 1º Fórum Municipal do Trânsito.

O fórum iniciou-se às 08h com a apresentação da banda de música da Polícia Militar e logo em seguida a palestrante e pedagoga, especialista em educação no trânsito, Maria Cristina Hoffmann, de Curitiba-PR, falou sobre “Educação e planejamento do Trânsito em Gurupi”.

O secretário Municipal de Educação, Antônio Carlos Pakalolo, falou da participação do município na proposta de humanização e construção processo de reformulação do transito de Gurupi. “Nós vamos implantar na Rede Municipal de Ensino na sua grade curricular a disciplina Educação no Trânsito para alunos do Pré I ao 9º ano que será mais um passo na construção de princípios éticos e cidadania, pois são nossas crianças os futuros condutores”, esclareceu Pakalolo.

Já o presidente da comissão permanente de transito de Gurupi, vereador Cabo Carlos, reforçou que a educação no trânsito contribuirá com a diminuição do alto índice de acidentes em Gurupi. “As ações educativas fazem com que diminuam os acidentes; mas depende de cada um fazer a sua parte. Para que esses índices diminuam é preciso a participação de todos, pois a responsabilidade é tanto dos condutores quanto dos pedestres. Essa comissão é de extrema importância para o município devido aos índices de acidentes que ainda são grandes”, explicou.

O dia está foi preenchido com palestras, debates exposição da situação do trânsito de Gurupi, no período da tarde foi a vez da palestrante Rosivânia Costa, Gerente do Núcleo de Estudos e Pesquisas de Trânsito do Detran-TO – Psicóloga Clínica e de Trânsito.

 

Fonte: Ascom Prefeitura de Gurupi