Estado

Foto: Márcio Vieira

Durante encontro com representantes do Bird – Banco Mundial para América Latina e Caribe, o governador Carlos Henrique Gaguim foi elogiado pela condução dos trabalhos do PDRS - Projeto de Desenvolvimento Regional Sustentável do Tocantins. “O projeto encontrava-se meio parado. Viemos ao Tocantins há pouco mais de um mês e o governador se comprometeu em reativar o programa. Voltando aqui agora percebemos que o plano de ação que havia sido acordado foi cumprido, e o resultado é bastante positivo”, avaliou o francês Eric Lancelot, do Bird. O encontro aconteceu na noite desta segunda-feira, 7, no Palácio Araguaia, em Palmas. O secretário estadual do Planejamento, Davi Torres, também participou da reunião.

“Eles (representantes do Banco Mundial) fizeram uma visita técnica para a vistoria do PDRS. Quando estiveram aqui há um mês nos deram algumas metas e todas foram cumpridas, por isso a avaliação é positiva”, explicou o secretário do Planejamento. Torres disse que a meta do Governo do Estado é concluir a fase atual do Projeto no próximo ano e pleitear um novo financiamento na ordem de 300 milhões de dólares.

Para Eric Lancelot, o Estado tem as condições favoráveis para conseguir novos recursos. “Avanços significativos foram observados aqui. Os passos alcançados até agora são bastante positivos e permitem, na avaliação do Banco, o início de um novo processo de financiamento. Achamos que devemos continuar com essa parceria”, concluiu.

PDRS

As ações do PDRS são voltadas para a construção de estradas vicinais, pontes de concreto pré-moldado e envolvem o Dertins – Departamento de Estradas de Rodagem do Tocantins, Seplan – Secretaria do Planejamento, Secretaria Estadual de Recursos Hídricos e Meio Ambiente, Sefaz - Secretaria da Fazenda e Secretaria da Infraestrutura.

 

Fonte: Secom

Por: Redação

Tags: Bird, Carlos Gaguim, Estado