Cultura

Foto: Divulgação

A Banda Véiétu está de volta aos palcos. Nos próximos dias 17 e 18 de março o quarteto sobe ao palco do Teatro do SESC, em Palmas, às 20h, com nova formação, repertório variado, um mix criativo de músicas autorais e grandes sucessos do rock e do blues dos anos 50 a 80. Os ingressos serão vendidos a preços populares, sendo R$ 10,00 (inteira) e R$ 5,00 (meia).

À frente da banda o cantor e compositor paulista Celso Galvão (voz, gaita e violão), de 51 anos, que já tem uma carreira consolidada com cinco CDs lançados e projetos de sucesso em andamento em Goiás. A ele se juntam o sexagenário pernambucano Cláudio Caneca (contrabaixo), o cinquentão carioca Ailton Yabeta (guitarra) e o jovem paulista Tadeu Jardim (bateria). A banda reflete a cara de Palmas, a última capital planejada do século XX e uma verdadeira babel cultural que recebe gente de todos os lugares do Brasil e do mundo.

Para estes shows do Teatro do SESC, que leva o nome de Véiétu COMVida, a banda contará com as participações do jornalista Sandro Petrille, cantando uma música de Elvis Presley; do cantor e compositor Toninho Borges, interpretando uma canção de Roberto Carlos; da cantora e compositora Elletra, dividindo o microfone com Celso Galvão numa música da banda norte-americana Eagles; e a banda Impacto Latino, com Nacha Moretto, Jorge Menares e Leonel Menares, cantando uma canção de Rita Lee. E ainda, a participação especial do músico gaúcho Alexandre Castro, no comando de sua guitarra semi-acústica em duas canções, sendo uma delas autoral da banda. Aliás, Castro, ao lado de Celso Galvão assinam a direção musical do espetáculo.

Com a direção artística e de repertório do jornalista e produtor cultural Melck Aquino, a produção executiva de Juliana Arraes, a Véiétu leva ao palco suas releituras de sucessos e músicas autorais com a pegada dos anos setenta, sem perder a criatividade e o direito de falar das coisas da contemporaneidade, e agora com composições também em inglês. No repertório dos shows, além das suas canções grandes nomes da música, como: Elvis Presley, Chuck Berry, Pink Floyd, Simon & Garfunkel, Rolling Stones, James Brown, The Beatles, Bob Marley, Muddy Waters, B.B. King, Deep Purple, Creedence, The Police, Eagles, Steppenwolf, Queen, U2, Rita Lee, Caetano Veloso, Gilberto Gil, Secos & Molhados, Raul Seixas, Roberto Carlos...

Os shows do Teatro do SESC, tem o apoio do SESC, da Fundação Cultural da Prefeitura de Palmas e do Governo do Estado. A sonorização e iluminação estará a cargo da equipe da Fujisom. O espetáculo terá ainda a cobertura fotográfica do conceituado Beto Monteiro.

A gravação do CD

E no próximo dia 24 de maio a banda Véiétu entra nos estúdios da Rocklab Produções, de Goiânia, para gravar o seu primeiro CD, que deve ter 10 músicas autorais e duas releituras. O produtor musical contratado é Gustavo Vasques. Só para se ter uma idéia, o CD eleito o melhor lançamento de 2008 pela conceituada revista Rolling Stone, da banda cuiabana Macaco Bong, teve a assinatura de Gustavo Vasques como produtor musical. Na revista de janeiro de 2010, que traz as melhores produções de 2009, Gustavo Vasques figura novamente como produtor da melhor música nacional e em sexto na lista dos 25 CDs nacionais mais expressivos.

Quando da passagem por Goiânia, com produção local de Marcelo Botelho (que já produziu vários espetáculos em Palmas), a banda Véiétu se apresenta em três casas noturnas, e ainda espera confirmação para participação no tradicional festival Bananada, organizado pela gravadora Monstro Discos, a mais conceituada da cena rock hoje no Brasil. Em junho a banda tem duas apresentações agendadas no interior de São Paulo e uma na capital, e em agosto tem agenda de três shows em Fortaleza, capital cearense.

Fonte: Assessoria de Imprensa Banda Véiétu

Por: Redação

Tags: Banda Véiétu, cultura, Melck Aquino, musica, Sesc