Polí­tica

Foto: Divulgação

A três dias da realização do segundo turno no Estado, as equipes de campanha da presidenciável Dilma Rousseff (PT) e do tucano José Serra chegam à reta final de mobilização.

Em entrevista ao Conexão Tocantins na manhã desta quinta-feira, 28, o presidente do PT, Donizeti Nigueira afirmou que as mobilizações nos municípios continuam em prol da candidatura de Dilma. “A militância está se movimentando no Estado inteiro”frisou.

O foco agora, segundo ele, é com os preparativos da equipe de fiscais que vão atuar na eleição. “É uma campanha mais de espontaneidade da militância do que comando central”, frisou relatando que o grupo optou por não fazer grandes eventos mas sim potencializar o corpo a corpo.

Questionado sobre a contribuição do governador Carlos Henrique Gaguim (PMDB) na campanha de Dilma, o petista disse que o peemedebista está mobilizando sua base. Gaguim realizou apenas um evento com prefeitos e aliados em prol da candidatura de Dilma.

Vantagem de Serra

Também falando ao Conexão Tocantins, o presidente do PSDB e coordenador da campanha de Serra no Estado, Ernane Siqueira frisou que o grupo está distribuindo materiais de campanha nos municípios e também preparando a estrutura para o dia das eleições.

“A campanha está indo bem estamos distribuindo materiais e organizando os fiscais das seções”,pontuou. A expectativa do presidente é que o pleito aconteça com tranqüilidade e que as pessoas compareçam para votar.

Neste segundo turno Ernane diz acreditar que os votos de Marina Silva (PV) migrem para Serra. “Serra vai ser bem votado não só pelos eleitores de Marina mas muitas pessoas mudaram de posição aqui no Estado”, frisou.

Ernane conta também que não há previsão para realização de mais eventos em prol da candidatura de Serra. O grupo realizou dois com presença da senadora Kátia Abreu (DEM) e do governador eleito Siqueira Campos (PSDB).