E-musica

Foto: Divulgação/ Assessoria

Amanhã, 13 de novembro , tem sertanejo invadindo a Bianco Club. Paulo Vitor e Filipe se apresentam na casa em um ensaio para a gravação do primeiro cd da dupla sertaneja. No repertório bastante variado, os cantores entoam músicas de autoria própria como “pode ir”, “ainda sou eu “ e “nasci para você” além de composições interpretadas por outros cantores como Fernando e Sorocaba, Jorge e Mateus, Luan Santana, Hugo Pena e Gabriel.

Conheça a dupla:

Paulo Vitor

As artes passaram a fazer parte da vida de Paulo Vitor por meio de aulas de teclado e teatro. Mas, o destino lhe guardava uma surpresa, meio inesperada. Em um sorteio ganhou um violão, que aos poucos foi afastando Paulo Vitor das aulas de teclado. Apaixonado pelo instrumento de cordas, ele foi aprendendo a tocar sozinho.

A partir daí é fácil imaginar, adolescente tocando violão Paulo Vitor era o centro das atrações das festas na casa de amigos e em encontros da turma. Mas a música para ele continuava sendo um delicioso hobby. Assim Paulo Vitor ingressa na Faculdade de Direito e se especializa em licitações.

Filipe

Filipe Labret tem apenas 21 anos. O cantor e compositor mostrava desde a infância sua inclinação para a vida artística. Desde muito pequeno gostava e tinha talento pelo canto. Influenciado pela mãe, passou a freqüentar aulas de canto lírico, onde teve a oportunidade de conhecer e se apaixonar pelo teatro. Morando em São Paulo, participava e atuava nas duas esferas artísticas.

Como cantor lírico, foi solista do Coro Jovem Liberdade, regido pelo Maestro Donaldo Guedes – um dos maiores coros paulistanos, que deu a Filipe a chance de se apresentar em vários recitais no Memorial da América Latina. Como ator atuou em musicais e em dublagens. A voz de Filipe faz parte de versões brasileiras de alguns filmes e novelas de sucesso como “Morangos com Açúcar”, novela exibida pela Band, em 2004; “Brilho eterno de uma mente sem lembranças”, filme vencedor do Oscar de melhor Roteiro Original, em 2005; e na série do desenho animado “Garfield”.

A música e o teatro para Filipe eram importantes, mas ao voltar ao Tocantins teve que optar por uma faculdade. Escolheu Direito, depois propaganda. Mas percebeu que é na música que está seu futuro.

A dupla

E foi nos corredores do curso de Direito da Universidade Luterana do Brasil - Ulbra, que os amigos de infância se reencontram. Paulo Vitor tocando violão por hobby e Filipe certo de que queria ser músico. Os laços de amizade se firmam novamente e paixão pela música cresce nos dois jovens, e ai nasce a dupla Paulo Vitor e Filipe.

Em menos de um ano de carreira, já se apresentaram na Bahia, no Pará, no Maranhão, em Minas Gerais, no Rio de Janeiro, em Goiás e é claro no Tocantins. No repertório músicas autorais como “Ainda sou eu”, “Pode ir” e “Nasci pra você”, além de sucesso de artistas consagrados.

Em parceria com um dos maiores produtores musicais do Brasil, o maestro Pinocchio, que assinou produções de artistas nacionalmente conhecidos como Jorge & Mateus, César Menotti & Fabiano, Eduardo Costa e Rio Negro & Solimões, a dupla Paulo Vitor e Filipe estão dando um grande passo para a edificação da carreira: A produção do primeiro cd.

Palmas será a sede da realização desse grande sonho da dupla. O cd, que será gravado ao vivo, é totalmente inédito e tem composições da dupla e de renomados compositores . Paulo Vitor e Filipe, como as grandes duplas de sertanejo universitário, apostam em composições próprias como uma maneira de inovar e imprimir sua marca no mercado sertanejo.

A previsão é de que o CD seja gravado no inicio de 2011, para que seja lançado ainda no primeiro semestre do ano que vem. Nestes últimos meses do ano, a dupla realiza ensaios para a gravação do cd na Bianco Club. A próxima apresentação é no dia 13 de novembro.

Fonte: Assessoria de Imprensa