Palmas

A política habitacional e as estratégias do plano de habitação de Palmas serão o foco de dois seminários promovidos pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Urbano e Habitação. Os seminários serão realizados nesta quinta-feira, 02, na Câmara Municipal, a partir das 19h, e na sexta-feira, 03, na Escola Municipal Maria Júlia Amorim, no Aureny III, também às 19 horas.

Na quinta-feira será debatida a matriz da política habitacional do município. A diretora Técnica Social da Seduh, Valéria Lustosa, explicou que a temática do seminário será a formatação legal para que a política habitacional de Palmas se torne um projeto de lei. “Vamos trabalhar para que a política habitacional se transforme em um projeto de lei, para ser implementado e desenvolvido nos próximos dez anos”, destacou a diretora.

Já na sexta-feira, o debate será voltado às estratégias de ação dentro do plano de habitação de Palmas. Estão nos tópicos a serem discutidos: as formas que o gestor irá agir para reduzir o déficit habitacional, a busca e a captação de recursos, a quantidade de unidades habitacionais a serem construídas e o valor das construções. “Será um debate para delimitar uma forma de operacionalizar esta política habitacional”, explicou Valéria Lustosa.

A diretora, ainda, ressaltou que se os municípios não elaborarem os seus planos habitacionais até o final de dezembro não receberão os repasses do Governo Federal.“A presença da comunidade é muito importante nos seminários, quando serão debatidos os projetos para quem não tem moradia, principalmente às famílias com renda de zero a três salários mínimos, que são as mais beneficiadas pelos projetos”, finalizou Valéria Lustosa.

Fonte: Ascop