Cultura

Quem desejar curtir um carnaval típico do interior, o endereço é Natividade, uma das “Sete Maravilhas do Brasil”, tombada pelo Patrimônio Histórico, em 1987, e com localização privilegiada de pouco mais de 200 km de Palmas.

A meta do prefeito Joaquim Rodrigues (PV) é transformar o Carnaval de Natividade num dos mais concorridos do Estado. Nesse sentido, o prefeito apostando potencial turístico do município, uma vez que os foliões teriam uma variedade de atrativos fora do período da folia, como, por exemplo, visita aos santuários religiosos, ecológicos,os monumentos históricos, dentre outros. “A nossa cidade tem se destacado para o mundo. As nossas festas de cunho religioso são celebradas a cada dia com mais participação de turistas de todas as partes. Vamos, a partir de agora, transformar o carnaval nativitano numa das festas mais bonitas e participativas do Tocantins”, promete.

O ‘Natifolia’, como é chamado, contará com a atração de três bandas baianas e uma local durante as cinco noites de desfiles, festas, concurso de blocos e diversão, além de eventos paralelos distribuídos pela cidade. A festa começa na sexta (4), às 21h, no centro histórico da cidade, com a apresentação da banda nativitana, Swing Nativo. Já no sábado (5), acontece a apresentação da banda baiana Chicletana. Já no domingo (6), a festa será comandada pela banda Arerê, do estado da Bahia. Na segunda-feira (7), a festa reinicia com a banda baiana Zumbalada. O encerramento (8) ficará por conta da Banda Swing Nativo, da cidade.

Entre as atrações, haverá desfiles dos blocos Bundalelê e Peraê, com concursos de fantasias e alegorias. Outro bloco que vai estar na avenida durante os dias de folia é o bloco Reviver, formado por pessoas da terceira idade e organizado pela secretaria de Ação Social.

A prefeitura está montando uma estrutura que vai garantir a segurança dos participantes durante o carnaval. Um posto médico vai ser montado ao lado da festa.

Fonte: Assessoria de Imprensa/Natividade