Saúde

Foto: Divulgação

A Década de Ação para a Segurança Viária será lançada no mundo inteiro, oficialmente, nesta quarta-feira, 11 de maio . Trata-se de um evento verdadeiramente global, que acontecerá em todos os fusos horários do planeta, para chamar a atenção para as milhares de mortes e lesões provocadas pelo trânsito.

Em Palmas, o lançamento da Década de Ação para a Segurança Viária será às 17 horas, com uma concentração de autoridades civis e militares, além de profisssionais da saúde , do trânsito e populares, que farão uma blitz educativa, através de um adesivaço, na Avenida Teotônio Segurado, em frente ao Hotel Rio do Sono.

O ato

“Depois de adesivarmos carros de apoiadores dessa campanha, pela vida e segurança viária, vamos hasterar a enorme bandeira oficial da Década de Ação, iluminada por um canhão de luz amarela, que simboliza o alerta para a prevenção contra a violência no trânsito, que se revela como a principal causa de morte prematura e de ferimentos incapacitantes na população”, informa Marta Maria Malheiros Alves, presidente da Comissão Pública para Planejamento, Desenvolvimento e Execução do Projeto Vida no Trânsito, em Palmas.

O desafio

De acordo com a presidente, o desafio é reduzir em 50%, os índices de mortalidade. “Essa meta é audaciosa, mas, absolutamente possível, desde que haja absoluto comprometimento das autoridades de todas as esferas de poder e efetiva participação da sociedade, não só colaborando com atitudes preventivas mas, principalmente, no acompanhamento das ações”, garante Marta Malheiros.

Em Palmas

Segundo Samuel Bonilha, secretário da Saúde da Capital, em Palmas, além da alta mortalidade, 32.7/100.000, a morbidade por acidentes de trânsito revela a gravidade e urgência em efetivar políticas públicas para redução dos acidentes. “As mortes e incapacitações físicas produzidas pelo trânsito em Palmas são de fato, um problema de saúde pública, pois revela um número expressivo de vidas ceifadas de forma brutal, inesperadas e de forma precoce”, enfatiza o secretário

O Plano para o mundo

Por designação da ONU, a OMS e a Cooperação das Nações Unidas para a Segurança Viária, entre outras entidades, desenvolveram um Plano Global para a Década de Ação que compreende: o fortalecimento da gestão da segurança no trânsito ; a Infra estrutura veicular adequada; a segurança veicular; o comportamento e segurança dos usuários; atendimento ao trauma, assistência pré-hospitalar, hospitalar e à reabilitação.

Fonte: Assessoria de Imprensa/Semus