Campo

Foto: Divulgação

Entre as atividades apresentadas pela Agrotins, que acontece de 10 a 14 de maio, no Centro Agrotecnológico de Palmas, está o Circuito do Leite. O espaço montado apresenta aos produtores novas tecnologias aplicadas ao avanço deste segmento no Estado, por meio de palestra, dividida por etapas que vão da ordenha à mesa do consumidor.

Para iniciar a cadeia produtiva do leite, foi montada uma unidade experimental demonstrativa do Projeto Balde Cheio, que apresentou desde um sistema de pastagem rotacionado e irrigado, manejo higiênico e conforto animal, até os cuidados com a ordenha e armazenamento do mesmo.

Em seguida, é abordado o momento em que o leite chega aos laticínios, industrializados ou não. Nesta etapa, Juliana Matos Buzolin Ferrão, médica veterinária da Adapec, fala sobre a importância de produtos inspecionados e certificados com os selos municipais, estaduais ou federal, quesito indispensável para garantir alimentos de qualidade à mesa do consumidor.

Ainda no percurso do estande, técnicos da Vigilância Sanitária Estadual falam sobre os cuidados que se deve ter com o armazenamento e o processo de embalagem dos produtos. E por último, o espaço simula a casa do consumidor, em que técnicos do Ruraltins abordam a importância nutritiva do leite e derivados, boas práticas e acondicionamento, tudo para garantir a qualidade e sanidade destes alimentos.

Para Érika Jardim, médica veterinária da Secretaria de Agricultura, Pecuária e do Desenvolvimento Agrário, a idéia é mostrar que a busca pela qualidade independe do tamanho da propriedade rural. “Boas práticas garantem a segurança alimentar da população”, finaliza Érika.

Fonte: Assessoria de Imprensa/Agrotins