Estado

Foto: Divulgação Secretário de Administração, Lúcio Mascarenhas Secretário de Administração, Lúcio Mascarenhas

Depois de matéria especial do Conexão Tocantins que mostra com base nos Dados do Portal da Transparência um comparativo de gastos em algumas pastas, a Secretaria de Administração encaminhou nota explicativa sobre o assunto.

Em julho a pasta gastou R$ 127.667,52 quanto que ano passado a despesa foi de R$ 97.858,13. Já em junho a despesa na gestão de Siqueira Campos (PSDB) foi de R$ 186.684,96. Ano passado no mesmo mês o Portal da Transparência mostra gasto de R$ 161.222,37.

Segundo a secretaria, a justificativa para aumento foi o acréscimo de atribuições para a psata com a reforma administrativa promovida pelo governo no início do ano. “Este é o caso da Superintendência de Transportes, antes veiculada ao Gabinete do Governador”, exemplica a pasta.

Nos meses em questão a Secad teve ainda gastos extras, conforme a nota, com a posse dos convocados dos concursos da Educação e da Saúde. O titular da pasta é Lúcio Mascarenhas.

Veja a íntegra da nota:

Veículo: Portal Conexão Tocantins

Assunto: Gastos da Secad

Com referência a matéria veiculada dia 9 de agosto neste Portal, sobre aumento nas despesas com relação à gestão passada, a Secretaria da Administração do Estado do Tocantins tem a informar que assumiu uma série de atribuições antes destinadas a outros setores do Poder Executivo. Este é o caso da Superintendência de Transportes, antes veiculada ao Gabinete do Governador. E especificamente nos meses de junho-julho, a Secad realizou gastos extras com a ação de desconcentração das posses dos convocados dos concursos da Educação e da Saúde.